sexta-feira, 11 de agosto de 2017

PMDB suspende 6 deputados que votaram contra Temer; Vitor Valim é um deles

O PMDB decidiu nessa quinta-feira (10) punir os deputados que votaram a favor da denúncia contra o presidente Michel Temer na semana passada. Segundo comunicado da Executiva da legenda, esses seis parlamentares ficarão suspensos, por 60 dias, de suas funções partidárias. A medida, segundo técnicos do partido, é cautelar. Neste período, o Conselho de Ética do PMDB irá analisar as punições que serão aplicadas aos infiéis. Ao final do processo, o deputado poderá sofrer desde uma advertência, até a expulsão do partido.

A medida afeta os deputados Celso Pansera (PMDB-RJ), Laura Carneiro (PMDB-RJ), Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE), Sergio Zveiter (PMDB-RJ), Veneziano Vital do Rêgo (PMDB-PB) e Vitor Valim (PMDB-CE). Jarbas, por exemplo, é vogal no diretório de Pernambuco, e será suspenso de qualquer função partidária durante esse período.

Por meio de nota o partido disse que “O PMDB, em cumprimento à decisão unânime da Comissão Executiva do partido, suspendeu por 60 dias, de suas funções partidárias, os deputados que votaram a favor da denúncia do presidente da República, Michel Temer. Esta decisão foi tomada por descumprimento dos parlamentares ao fechamento de questão sobre o assunto em reunião realizada no dia 12 de julho, em Brasília. O ato de suspensão já foi comunicado a todos os filiados e ao Conselho de Ética do partido”.

Ceará Agora
Postar um comentário