domingo, 2 de agosto de 2015

Geninho não é mais técnico do Ceará

O Ceará anunciou a demissão do técnico Geninho. Após a derrota para o Bragantino, a diretoria do Ceará Sporting Club e o técnico Geninho conversaram ontem sobre a atual situação do Alvinegro Cearense.

Diretoria e Geninho entraram em um acordo e o treinador deixou o comando do Vozão. A diretoria do Alvinegro já trabalha em busca de um novo treinador. Nenhum nome foi anunciado.

Em oito jogos a frente do Vovô, Geninho conseguiu apenas duas vitórias, quatro empates e duas derrotas.

Atlético-PR vence e ultrapassa Palmeiras com gol e festa do gordinho Walter

Uma finalização precisa, de um jogador que sabe o que fazer na grande área. Assim, de volta após lesão, Walter e o Atlético-PR derrubaram o que poderia ser um domingo perfeito para o Palmeiras no Allianz Parque. A vitória foi paranaense por 1 a 0.

Com recorde de público e renda pelo Campeonato Brasileiro, o Palmeiras teve dificuldades para criar e, pouco a pouco, tirou a paciência de seus torcedores. A estratégia do Atlético era justamente aproveitar esse nervosismo e matar a partida em um lance isolado. Quando a oportunidade surgiu para Walter, depois de escanteio e bola desviada no primeiro pau, ele tocou com estilo sobre Fernando Prass e fez festa no gramado.

Com os pontos somados no Allianz Parque, o Atlético chegou a 28, assumiu a quarta posição e deixou o Palmeiras para trás, também com 28, mas fora do G-4 por uma vitória a menos. Foi a primeira derrota de Marcelo Oliveira desde a estreia e o fim de uma sequência de oito partidas sem perder.

O Atlético-PR de Milton Mendes vinha de desempenho ruim como visitante, mas conquistou seis pontos em dois jogos seguidos fora de casa para anunciar que briga por G-4. O próximo jogo dentro da Arena da Baixada, contra o Sport, será vital.

Campos Sales: corpo é encontrado no interior de um veículo crivado de bala

A polícia encontrou no início da tarde de ontem (1) na localidade de Cabeceira, zona rural de Campos Sales (CE) um corpo crivado de balas no interior de um veículo. 

A vítima foi identificada apenas como Bruno, morador da cidade de Fronteiras, no Piauí. A Polícia Civil abriu investigação para apurar o crime.

Morte por espancamento em Juazeiro do Norte (CE)

O plantão de polícia registrou uma morte por espancamento no município de Juazeiro do Norte (CE). A vítima foi o pedreiro Francisco da Silva, 56 anos. 

Segundo informações da polícia o principal acusado do crime já foi identificado e preso. Ele se chama Cicero dos Santos da Silva, 44 anos. 

Vítima e acusado bebiam quando começou uma briga entre ambos. Devido a gravidade dos ferimentos o pedreiro não resistiu e morreu.

via WhatsApp

Acidente de trânsito em Acopiara por pouco não acaba em tragédia

O plantão de polícia registrou na tarde de ontem (1) um acidente de trânsito (colisão) na CE-060, em frente ao Posto Lajes, em Acopiara, envolvendo uma motocicleta e um veículo Amarok. 
Segundo informações da polícia o guiador da moto Thiago Oliveira sofreu apenas escoriações e foi socorrido pelo SAMU ao hospital municipal Júlia Barreto. 

Conforme a polícia o motorista identificado como Antonio Oliveira pode ter invadido a preferencial causando o acidente.

Inscrições para vagas remanescentes do Sisutec terminam hoje

As inscrições para as vagas remanescentes do Sisutec (Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica) do segundo semestre terminam hoje (2), às 23h59. O candidato, que não foi selecionado nas duas chamadas anteriores, pode fazer sua inscrição pelo site.

Será exigida apenas a conclusão do ensino médio, contemplando-se a participação de candidatos que tenham ou não realizado o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). Nesta etapa, só parte dos municípios possui vagas disponíveis.

As aulas terão início em agosto e as vagas são gratuitas. Segundo balanço do MEC (Ministério da Educação), esta edição do Sisutec registrou 211.987 candidatos inscritos. Foram ofertadas 83.641 vagas em 515 municípios de todos os Estados e no Distrito Federal.

Marina Silva diz que está pagando o preço por não apoiar o impeachment

A ex-senadora Marina Silva, durante entrevista à Folha, em que fala sobre a atual conjuntura política
A duas semanas das novas manifestações contra o governo, Marina Silva afirma que está disposta a pagar o preço por não defender o impeachment de Dilma Rousseff.

Ela prega "responsabilidade" com a democracia e diz que não vai "instrumentalizar a crise" para tentar ampliar o desgaste da presidente.

Sem citar o PSDB de Aécio Neves, que convocará eleitores para os protestos do dia 16, a ex-senadora sustenta que os políticos devem "respeitar a sociedade" e evitar o "oportunismo". "O momento é de escutar. Ouvir e compreender, olhar e perceber", rimou.

Marina recebeu a Folha de S. Paulo na última quarta (29), em São Paulo. Segurava seu programa de governo da campanha de 2014, em cópia xerocada e cheia de anotações a lápis.

Ela manifestou incômodo com as críticas de que estaria muito calada diante da crise. "Estou trabalhando muito. Não estou sumida não, viu?"

Confira a íntegra da entrevista (clicando aqui)

Folha de S.Paulo

Deputados dizem ser contra afastar Eduardo Cunha da presidência

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), em sessão plenária
A maioria dos deputados que lideram as bancadas de seus partidos na Câmara declara ser contra o afastamento do presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), mesmo se o Supremo Tribunal Federal abrir um processo contra ele por causa da suspeita de que recebeu propina do esquema de corrupção descoberto na Petrobras.

Os líderes também dizem não ver motivo para que outros colegas investigados pela Operação Lava Jato respondam a processo de cassação no Conselho de Ética.

A Folha ouviu na semana que passou 20 dos 22 líderes das maiores bancadas da Câmara. Desde que o lobista Julio Camargo afirmou que pagou US$ 5 milhões em propina a Cunha, alguns parlamentares têm pedido seu afastamento do comando da Casa.

Mas a posição manifestada pelos líderes partidários mostra que ele mantém sólido apoio entre seus pares –mesmo após as declarações da advogada Beatriz Catta Preta, que representava Júlio Camargo e acusou aliados de Cunha na CPI da Petrobras de tentar intimidá-la.

Embora a enquete tenha sido feita antes da veiculação da entrevista da advogada ao "Jornal Nacional", da TV Globo, a Folha apurou que a posição dos parlamentares em relação a Eduardo Cunha não sofreu alteração significativa.

Líderes de dez bancadas, que somam 294 deputados (57% do plenário), são contra o afastamento de Cunha mesmo que ele seja denunciado pela Procuradoria-Geral da República e o Supremo abra um processo contra ele, transformando-o em réu.

"Não tem sentença ainda. Pode não dar em nada, e aí como faz?", diz Sibá Machado (AC), líder da bancada do PT, partido hoje em pé de guerra com Cunha. "Entendo que o presidente Eduardo Cunha deve exercer plenamente suas atribuições constitucionais e ter garantido seu direito à ampla defesa", reforça Rogério Rosso (PSD-DF).

Apenas o nanico PSOL e o PPS defendem o afastamento. "Vou questionar na reunião de líderes a situação do presidente em relação às denúncias gravíssimas que surgiram", diz Chico Alencar (PSOL-RJ). Com o fim do recesso de julho, o Congresso volta ao trabalho nesta semana.

Além de Cunha, 21 deputados são alvo de investigação por suspeita de envolvimento com a corrupção na Petrobras. A maior parte dos caciques partidários da Câmara diz não ver razão para que eles respondam a processo de cassação caso sejam denunciados pelo Ministério Público e processados no Supremo.

"Denúncia não significa condenação não só para o parlamentar, mas como para qualquer cidadão. Caso contrário, você está antecipando o julgamento e tirando um mandato decidido pelo voto popular", diz o deputado André Moura (SE), líder do PSC e um dos aliados de Cunha.

IMPEACHMENT

A enquete mostra também que a maior parte dos líderes partidários da Câmara diz não ver motivo para que Cunha dê prosseguimento a um pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff, o que, nos bastidores, o peemedebista ameaça fazer.

"Não existe comprovação de cometimento de nenhum crime no exercício do mandato", afirma o líder da bancada do PMDB, o partido de Cunha, Leonardo Picciani (RJ).

Ao todo, 11 líderes de bancadas que somam 298 deputados (58% do total) dizem ser contra a abertura do processo de impedimento da petista.

"Não pode comprometer o país, o povo brasileiro, a economia do país, o capital estrangeiro investido aqui, falando uma coisa sem propriedade e sem embasamento jurídico nenhum", diz Celso Russomanno (PRB-SP), que comanda um bloco de 38 deputados formado pelo PRB com outros partidos nanicos.

"O Brasil não é uma republiqueta que qualquer um desrespeita as bases democráticas", diz o líder do governo, José Guimarães (PT-CE).

De todos os partidos ouvidos, só o oposicionista DEM diz já ver elementos suficientes. "São muitos fortes as comprovações de que ela afrontou a Constituição e as finanças públicas", afirma Mendonça Filho (DEM-PE).

Folha Uol

Brasil deve perder 1 milhão de postos de trabalho em 2015

Com 345 mil postos formais de trabalho extintos nos seis primeiros meses do ano, a economia brasileira deve acelerar a diminuição de empregos no segundo semestre. Segundo estudo do Conselho Federal de Economia (Cofecon) divulgado nesta semana, o país deve encerrar o ano com 1 milhão de vagas com carteira assinada a menos.

Com base no estudo, a entidade recomenda ações de longo prazo para reativar o mercado de trabalho. Para a entidade, os sucessivos reajustes da taxa Selic, juros básicos da economia, estão provocando impacto direto sobre a geração de empregos nos últimos anos. Nos últimos 12 meses, o efeito intensificou-se, resultando na extinção de postos de trabalho.

De acordo com o levantamento, o início do ciclo de elevação dos juros básicos, em abril de 2013, coincidiu com a redução da geração de empregos, conforme as estatísticas do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgadas pelo Ministério do Trabalho. Naquela época, a Selic estava em 7,25% ao ano, no menor nível da história, e passou a ser reajustada com alguns intervalos de estabilidade, desde então.

A partir do segundo semestre do ano passado, quando o país passou a fechar mais postos de trabalho do que criou, a situação agravou-se. Na época, o Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) segurou a taxa básica, deixando para aumentar a Selic somente após o segundo turno das eleições presidenciais. De lá para cá, foram sete aumentos consecutivos, que elevaram a Selic para 14,25% ao ano, no maior nível desde outubro de 2006.

No segundo semestre do ano passado, o país fechou 176 mil postos de trabalho com carteira assinada. Nos seis primeiros meses deste ano, o fechamento aumentou para 345 mil vagas. Para o Cofecon, a maior extinção de emprego indica que o reajuste da taxa Selic foi maior que o ideal, passando a sufocar a economia.

Criança de 1 ano e cinco meses morre vítima de acidente de trânsito

Um acidente de trânsito (atropelamento) registrando na manhã de ontem (1), no bairro São Sebastião, em Ubajara (CE) vitimou fatalmente Ana Beatriz Carneiro Sousa, de apenas 1 ano e 5 meses.

Segundo informações de populares o suspeito do acidente seria um comerciante conhecido pelo nome de Edmilson que abandonou o veículo e se evadiu. O carro era um Fiat Strada, cor preta, placas HYK 6207, inscrição de Ubajara.

A polícia esteve no local e adotou as medidas cabíveis.

Taxista é flagrado com 56 canários em Icó (CE)

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, na madrugada deste sábado, 1º, um veículo que transportava 56 canários da terra, no município de Icó, a 375 km de Fortaleza. De acordo com a assessoria do órgão, a apreensão aconteceu por volta das 4h30 da manhã durante uma abordagem de rotina.

Os policiais pediram para que o condutor do veículo, o taxista José Júnior Paulino de Sousa, 38 anos, abrisse o porta malas e, ao verificarem o compartimento, encontraram os animais confinados.

Um Termo Circunstancial de Ocorrência foi lavrado na delegacia de Icó e o taxista responderá por tráfico de animais silvestres e pode pegar até seis meses de detenção. Como o crime é de menor potencial ofensivo, ele responderá ao processo em liberdade.

O POVO Online

sábado, 1 de agosto de 2015

Leão vence Icasa e segue na liderança da Série C

Em jogo bastante movimentado, o Fortaleza venceu o Icasa 2 a 0 na Arena Castelão. O jogo aconteceu na tarde deste sábado (1), válido pela 10ª rodada do Grupo A do Campeonato Brasileiro da Série C.O Com a vitória, Leão chega aos 23 pontos e segue na liderança do grupo. Já o Icasa, se afunda cada vez mais na crise e segura a lanterna.

Com um primeiro tempo movimentado, Fortaleza e Icasa apresentaram um bom número de passes. Em situações distintas no campeonato, as equipes investiram em chutes de fora da área na tentativa de tirar o zero do marcador. Icasa começou bem, explorando contra-ataques e tentando com Jadilson e Sandrinho, principalmente, as principais investidas ofensivas. Do lado tricolor, a dupla Lúcio Maranhão e Maranhão foram bastante acionados pelos meias Correia e Daniel Sobralense.

O Leão explorava bem as laterais do campo. Os laterias Auremir e Thallyson investiam com rapidez e o camisa dois tricolor elaborou bons chutes de fora da área. A primeira chance real de gol, saiu dos pés de Maranhão. Aos 4 minutos, o atacante recebeu bom passe, mas a zaga do verdão conseguiu intervir a tempo.

DN Online

Com falhas na zaga, Ceará é goleado fora de casa

O Ceará voltou a perder na Série B. O time cearense foi até Bragança Paulista-SP enfrentar o Bragantino, na noite deste sábado (1º) e acabou goleado por 3 a 0.

O Vovô segue na lanterna da Série B, com seus 11 pontos. O Bragantino assumiu a 10ª colocação, com 22 pontos.

DN Online

R10 tem estreia discreta, mas Fluminense conta com expulsão e vence Grêmio

Mesmo com um jogador a mais durante todo o segundo tempo, o Fluminense sofreu e só conseguiu o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Grêmio aos 30 minutos da etapa final da partida da noite deste sábado, no Maracanã, em jogo que marcou a estreia de Ronaldinho Gaúcho pelo Tricolor carioca.

O camisa 10, no entanto, teve atuação apagada em sua primeira partida pela equipe. Marcos Junior marcou o único gol do confronto.

Com a vitória, o Fluminense volta ao G4 do Campeonato Brasileiro e ocupa a terceira colocação de forma provisória, com 30 pontos. 

O Tricolor ainda pode cair para a quinta posição caso Palmeiras e Sport vençam seus jogos no domingo. Já os gaúchos estão agora na sétima posição, com os mesmos 27 pontos com os quais começaram a rodada.

Meia-irmã de Bin Laden morreu em acidente de avião, diz TV saudita

Uma meia-irmã do ex-líder da Al-Qaeda Osama Bin Laden morreu junto ao marido e à mãe após um avião particular cair na sexta-feira (31) no sul da Inglaterra, informou neste sábado (1º) a emissora de televisão saudita Al-Arabiya. No total, quatro pessoas morreram.

O jato Phenom 300, fabricado pela brasileira Embraer, levava quatro pessoas. O piloto, um jordaniano, voava do Aeroporto de Malpensa, em Milão, para o Aeroporto de Blackbushe, no sul da Inglaterra, quando caiu em um local que realiza leilão de carros, informou o canal de televisão em sua página na Internet.

O site identificou os três passageiros como Sana Mohamed bin Laden, seu marido, Zuhair Hashem, e sua mãe, Raja Hashem. A família Bin Laden é um proeminente clã da Arábia Saudita com vastos interesses comerciais.

Uma porta-voz da polícia britânica afirmou à Reuters na sexta-feira que havia quatro pessoas na aeronave, mas não as identificou.

Também sem confirmar quem eram as vítimas, o embaixador saudita na Grã-Bretanha ofereceu suas condolências na conta oficial da embaixada no Twitter à família Bin Laden e disse que a missão estava trabalhando com autoridades britânicas para investigar o incidente e organizar o rápido traslado dos corpos para os funerais no reino.

Agências

Mega-Sena, concurso 1.728: ninguém acerta e prêmio acumula em R$ 7,5 mi

O sorteio do concurso 1.728 da Mega-Sena foi realizado neste sábado (1), na cidade de Ipanema (MG). Para esta rodada, o prêmio estimado era de R$ 3 milhões e ninguém acertou as 6 dezenas.

Veja as dezenas sorteadas: 03 - 08 - 28 - 39 - 42 - 59.

De acordo com a Caixa Econômica Federal (CEF), 45 apostas acertaram a Quina e levam R$ 42.525,31 cada. Na Quadra, foram 3.617 acertadores e cada um ganha R$ 755,81.

Para o próximo sorteio, que será realizado na quarta-feira (4), a estimativa de prêmio é de R$ 7,5 milhões.

Perdeu o programa Acopiara Urgente de hoje (01/08/2015)? Escute agora com apenas um clique

PF indicia ex-diretor da Petrobras e mais 5 na Lava Jato

Zelada (Foto: Reprodução/RPC)A Polícia Federal (PF) indiciou o ex-diretor da Área Internacional da Petrobras Jorge Luiz Zelada, preso na 15ª fase da Operação Lava Jato pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de capitais e evasão de divisas. O relatório foi enviado à Justiça e ao Ministério Público Federal (MPF) – que agora avalia se oferece denúncia contra Zelada e mais cinco pessoas.

Além dele, outras duas pessoas foram indiciadas pelos mesmos crimes – Raul Schmidt Felippe Júnior, e João Augusto Rezende Henriques. Já Hamylton Pinheiro Padilha, Paul Alfred Bragg e Hsin Chi Su foram indiciados por corrupção ativa. O inquérito policial que foi concluído na sexta-feira (31). Zelada foi o sucessor de Nestor Cerveró, também preso pela Operação Lava Jato, na Petrobras. Ele comandou a diretoria Internacional entre 2008 e 2012 e é suspeito de ter sido beneficiado do esquema de fraude, corrupção, desvio e lavagem de dinheiro descoberto na estatal petrolífera. Conforme as investigações, ele recebeu propina a partir de contratos de exploração e produção e de navio sonda.

O indiciamento ocorreu mesmo sem o depoimento de Zelada. O ex-diretor deveria ter prestado depoimento na sexta à Polícia Federal, porém, por orientação do advogado Renato Moraes, ficou em silêncio. Ele está preso preventivamente na Superintendência da PF em Curitiba.

G1

Advogada deve ser 'responsabilizada' se não esclarecer ameaças, diz Cunha

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, comenta no Twitter declarações da advogada Beatriz Catta Preta (Foto: Reprodução / Twitter)
O presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), afirmou neste sábado (1º), por meio de sua conta pessoal no microblog Twitter, que a advogada Beatriz Catta Preta deve ser "responsabilizada" caso não esclareça quais integrantes da CPI da Petrobras teriam a ameaçado e de que forma.

A criminalista, considerada uma das maiores especialistas em delações premiadas do país, deixou a defesa de nove investigados pela Operação Lava Jato alegando ter sofrido "ameaças veladas" de parlamentares que integram a comissão parlamentar de inquérito.

A denúncia de Beatriz Catta Preta foi feita em uma entrevista exclusiva concedida na última quinta (30) ao Jornal Nacional. Na ocasião, além de explicar que se afastou dos casos da Lava Jato porque se sentia ameaçada e intimidada por integrantes da CPI da Petrobras, ela afirmou que, devido às supostas ameaças, fechou o escritório e decidiu abandonar a carreira.

Nas mensagens que publicou neste sábado na rede social, Cunha ressaltou que determinará que a Procuradoria Parlamentar da Câmara dos Deputados faça uma interpelação judicial para que a criminalista dê detalhes sobre as supostas ameaças veladas. Na visão dele, as acusações dela atingem a casa legislativa "como um todo".

"A mesa diretora da Câmara tem a obrigação de interpelá-la judicialmente para que diga quais ameaças sofreu e de quem sofreu as ameaças", escreveu Cunha no Twitter.

Avião da Força Aérea Colombiana cai e mata 11 militares

Destroços de avião militar que caiu na Colômbia (Foto: Força Aérea Colombiana / via Reuters)
Pelo menos 11 militares morreram em um acidente de avião da Força Aérea Colombiana (FAC), informaram fontes oficiais nesta sexta-feira (31), revendo o balanço inicial de 12 mortos.

"A Força Aérea Colombiana se permite informar que, na tarde de hoje, a aeronave CASA 235 de transporte com matrícula FAC 1261 se acidentou na zona de Las Palomas, município de Agustín Codazzi, no departamento do Cesar, com 11 tripulantes a bordo", anunciou a FAC, em um comunicado.

O avião havia relatado uma falha em um dos motores e, quando o aparelho foi finalmente localizado, constatou-se que não havia sobreviventes, completou a nota.

Ao dar a notícia mais cedo no Twitter, o presidente colombiano, Juan Manuel Santos, disse que havia 12 militares mortos. "Lamentamos o terrível acidente de avião CASA, no qual morreram 12 heróis da @FuerzaAereaCol. Nossas sentidas condolências a seus familiares", lamentou o presidente em sua conta no microblog.

Câmara pode votar projeto que dobra correção do FGTS

O projeto que estabelece o aumento da correção dos recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) foi incluído na pauta de votações do plenário da Câmara dos Deputados, que retoma os trabalhos nesta segunda-feira (3), após duas semanas de recesso.

O texto propõe que o dinheiro depositado no fundo tenha uma remuneração igual à da poupança, o que, na prática, significa que o rendimento subiria de cerca de 3% ao ano para aproximadamente 6%. A nova taxa, se aprovada, valerá para os depósitos feitos a partir de 2016.

A possível mudança divide opiniões. De um lado, o governo afirma que a mudança pode gerar impacto negativo no financiamento da casa própria.

Do outro, os deputados autores do projeto e o próprio presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), dizem que os trabalhadores devem ter uma remuneração maior dos recursos aplicados no fundo.
Para entrar em vigor, a proposta deve ser aprovada pela Câmara e pelo Senado, além de sancionada pela presidente Dilma Rousseff.

G1

Mais R$ 113 milhões serão investidos, por ano, na Saúde cearense

O Ceará deverá receber, como aumento do teto anual do Fundo Estadual de Saúde, R$ 113 milhões. Entre os recursos, R$ 9 milhões serão destinados ao Hospital Regional Norte (HRN), em Sobral. O maior volume de repasses, porém, será para a Capital e Região Metropolitana.

Os investimentos foram anunciados durante visita do ministro da Saúde, Arthur Chioro, hoje ao Estado.Uma das maiores expectativas para a Saúde cearense, o funcionamento do Hospital Regional do Sertão Central continua sem data marcada.

O maior apoio do Governo Federal no Sistema Único de Saúde (SUS) do Ceará era pleito recorrente do Governo Estadual diante de uma crise no setor, com filas de pacientes à espera de leitos e cirurgias, além de atendimentos em corredores.

Entre os recursos que farão parte do custeio anual em Fortaleza, R$ 30 milhões serão destinados para o Hospital de Messejana, R$ 38 milhões para o Hospital Geral de Fortaleza (HGF), R$ 6 milhões para o Hospital Geral César Cals, R$ 2 milhões para o São José, R$ 11 milhões para o Albert Sabin e R$ 4,5 milhões para duas Unidades de Pronto Atendimento (Upas) nos bairros Conjunto Ceará e José Walter.

No município do Eusébio, o investimento será de R$ 6,9 milhões no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

"Após análises técnicas sobre a necessidade de recursos e o aumento de prestação de serviços, nós anunciamos a liberação de recursos", afirmou o ministro. No HRN, conforme ele, o aumento de repasses possibilitará habilitação, através da Rede Cegonha, de 10 leitos de UTI neonatal tipo 2 e 30 leitos de cuidados intermediários neonatal.

O apoio também será destinado a leitos de enfermaria clínica de retaguarda, principalmente para o tratamento de Acidente Vascular Cerebral (AVC).

QUIXERAMOBIM

O Hospital Regional do Sertão Central, em Quixeramobim, inaugurado em dezembro de 2014 pelo ex-governador Cid Gomes, continua sem data para funcionar. Os altos custos de manutenção são apontados como principal entrave para que as portas da unidade continuem fechadas. "Nossas equipes estão trabalhando no sentido de analisar o processo de implantação, o quanto ele vai custar em cada uma das etapas", afirmou Arthur Chioro.

Os planos iniciais para a unidade já previam o funcionamento em etapas, desde o ambulatório à realização de cirurgias.

O ministro ressaltou a importância de que o hospital não "tire recursos de outros para sua manutenção" e da escolha de prioridades para o atendimento à saúde. "É preciso analisar para não acontecer o que aconteceu com outros hospitais no Ceará, que foram colocados em funcionamento, mas desde o começo sem contar com a contrapartida do Ministério, o que onera as finanças do Estado" acrescentou.

LANÇAMENTOS

Durante a visita, foram anunciados ainda o lançamento do aplicativo SOS AVC, que permite o pronto reconhecimento de pacientes com AVC e a comunicação imediata com o SAMU 192, além do Pacto para Ceará Saudável, que será um planejamento para pensar ações e metas para as áreas da saúde.

O POVO Online

Para PSDB, risco que Cunha impõe a Dilma compensa desgaste de apoiá-lo

O PSDB faz uma conta pragmática ao não abandonar Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Na avaliação de tucanos, o peemedebista fica no cargo mesmo se for denunciado por Rodrigo Janot, pelo menos até o STF decidir se abre ou não ação penal.

Basta uma canetada dele para abrir o processo de impeachment, diz um cacique. Para tucanos, o preço que o partido pode pagar por oferecer sustentação ao presidente da Câmara é menor que o desgaste que ele pode causar a Dilma Rousseff.

Coluna Painel
Folha de S.Paulo

Julho tem precipitações quase 250% acima da média histórica

Pode parecer estranho, mas as chuvas registradas no mês de julho no Ceará foram muito superiores neste ano em relação a maio e junho, historicamente, período onde tem ocorrido o maior volume de descarga pluviométrica no Estado. Os dados, da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) ainda não foram fechados.

Até a publicação desta edição restava ainda colher informações de alguns postos meteorológicos do Interior, mas o desvio positivo em relação à média histórica de julho foi de 245,5%.

Entretanto, conforme o meteorologista da Funceme, Leandro Valente, esses números não são significativos para o aporte hídrico no Ceará.

Choveu apenas 53,2 milímetros nestes 30 dias, faltando apenas mais um dia para encerrar o mês. Os dados são expressivos somente em relação ao monitoramento do órgão oficial de Meteorologia do Estado.

Desde o início da apuração desses dados, em 1974, as chuvas de julho só foram menores do que no ano de 1985, quando foram registrados 59mm.

Os outros três anos com os maiores índices de chuvas em julho foram 1977, com 47mm, 1989, com 49,6mm, e 2011, com 50,2mm.

Diário do Nordeste

Mega-Sena pode pagar R$ 3 milhões neste sábado

O sorteio do concurso 1.728 da Mega-Sena, que será realizado neste sábado (1º), poderá pagar o prêmio de R$ 3 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio será realizado a partir das 20h (horário de Brasília), na cidade de Ipanema (MG).

De acordo com a Caixa Econômica Federal (CEF), se um apostador levar o prêmio sozinho e aplicá-lo integralmente na poupança, receberá aproximadamente R$ 21,5 mil por mês em rendimentos. Caso prefira, poderá adquirir 5 imóveis de R$ 600 mil cada ou uma frota de 85 carros populares.

sexta-feira, 31 de julho de 2015

Com 11,2% inscritos a menos, Enem 2015 terá 7,7 milhões de participantes

O Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2015 terá a participação de 7.746.057 candidatos, o que corresponde a uma queda de 11,2% em comparação à edição anterior. Em 2014, cerca de 1 milhão de candidatos a mais confirmaram a inscrição para a prova.

Esta é a primeira redução de inscritos registrada desde 2009, quando o exame passou por uma mudança no formato para se tornar um "vestibular nacional". O dado foi divulgado nesta sexta-feira (31) pelo Inep, órgão do Ministério da Educação responsável pela realização da prova.

Em junho, o MEC já havia indicado a queda, diante da redução do número de cadastros no site: foram 8,4 milhões neste ano , em comparação a um total de 9,49 milhões em 2014. O número inicial sofreu nova redução devido ao não pagamento da taxa no período previsto.

Na época, o ministro Renato Janine (Educação) apontou como uma possível causa desse movimento a nova regra para coibir faltosos: estudantes isentos da tarifa que não comparecerem nesta edição deverão desembolsar o valor no ano que vem.

O valor da taxa no Enem 2015 é de R$ 63. Ao todo, 1,98 milhão de candidatos desembolsaram a quantia, o que corresponde a 25,6% do total de inscrições confirmadas. O percentual é ligeiramente menor em comparação à edição anterior - em 2014, 26,5% pagaram a taxa de R$ 35.

A maioria dos participantes já concluiu o ensino médio (4,4 milhões) e, assim como em edições anteriores, estão concentrados nas regiões Sudeste e Nordeste. Em São Paulo, são 1.253.928 inscritos - 5,3% menor em comparação com o ano anterior.

Motorista tomba veículo com carregamento de galinhas na CE-176

Um caminhão com carregamento de galinhas tombou, na manhã desta sexta-feira (31), entre os municípios de Catunda e Santa Quitéria, nas proximidade do distrito de Paraíso.
O motorista ficou ferido e foi encaminhando a um hospital da região.

Segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) o motorista trafegava, às 6h, no sentido do município de Catunda, quando perdeu o controle do veículo.
A ação foi registrada por um motorista de um outro automóvel, que percebeu a movimentação em ziguezague do caminhão. No vídeo, o motorista trafegava com dificuldades, a Polícia ainda investiga a causa do acidente.

Veja o vídeo aqui.

DN Online

'Senna sempre foi um piloto sujo', afirma Nelson Piquet

Nelson Piquet foi convidado de honra da Fórmula 1 para o Grande Prêmio da Hungria. Andou de carro com Bernie Ecclestone e aproveitou para lembrar uma das maiores ultrapassagens da carreira: contra Ayrton Senna na corrida do leste europeu, em 1986. A reportagem é de Luis Fernando Ramos, do UOL.

Quando conversa com a imprensa húngara, Piquet lembrou a ultrapassagem em Ayrton Senna. Nelson estava na Williams, enquanto o novato brasileiro pilotava a Lotus. Descontraído, Piquet foi irônico ao lembrar o momento: 'Senna era um piloto horrível, era fácil ultrapassá-lo', disse, arrancando risos de seus interlocutores.
.'Senna sempre foi um piloto sujo', afirma Nelson Piquet
Questionado se realmente havia mostrado o dedo médio a Senna ao completar a manobra, ele descreveu a manobra. 'Você viu toda a ultrapassagem? Você viu as duas voltas anteriores? Olhando com calma, na primeira vez eu tento por dentro, e ele me empurra para o lado sujo da pista. E na segunda vez ele tenta fazer o mesmo. Mas ao invés de ir para a direita, eu coloco de lado pela esquerda e ele não esperava isso'.

Depois, atacou o estilo de pilotagem do compatriota. “Ele sempre foi muito sujo na sua carreira. Ganhou o campeonato de F-3 porque ele bateu no Martin Brundle, em Brands Hatch, na última corrida, acabou com o carro em cima. Fez o mesmo com Prost em 90 para ganhar o campeonato. Eu não concordo com isso. No automobilismo, você precisa ser limpo. Quer ser campeão? Tudo bem. Mas precisa ser limpo. Ele não era limpo na pista. Foi por isso que mostrei o dedo do meio para ele”.

Veja o vídeo:

Ministro da Saúde libera R$ 9 milhões para Hospital Regional Norte do Ceará

A visita às dependências do Hospital Regional Norte começou pelo setor da Urgência e Emergência, na manhã desta sexta-feira, 31.

O ministro da Saúde Arthur Chioro e uma comitiva formada pelo governador Camilo Santa, o secretário de Saúde do Estado Henrique Javi, o prefeito de Sobral Veveu Arruda, outros políticos e secretários municipais, percorreram alguns dos setores do HRN, para o conhecimento do ministro sobre a realidade da infraestrutura da Unidade e dos atendimentos feitos ali, aos moradores da macrorregião de Sobral, que abrange 55 municípios.

No auditório do Centro de Estudos do HRN, o ministro assinou a liberação de R$ 9 milhões anuais a serem repassados ao hospital.

Os recursos serão aplicados diretamente na estruturação do Centro de Apoio à Saúde Reprodutiva da Mulher (CASRM), em consenso com o projeto Cegonha (rede de cuidados que assegura às mulheres o direito ao planejamento reprodutivo e atenção mais humanizada na gravidez); e ampliação de leitos das clínicas médicas, que dão retaguarda para a emergência e UTIs adulto e pediátrica.

“As instalações do Hospital Regional são impressionantes, e este recurso disponibilizado pelo Ministério da Saúde vai dar maior suporte para os atendimentos já realizados aqui”, disse Arthur Chioro, ministro da Saúde.
Segundo Henrique Javi, secretário de Saúde do Estado, “este novo aporte financeiro que o Hospital Regional Norte passará a receber anualmente, vai ajudar a potencializar a assistência já empregada nos setores de Neonatologia (alto e médio risco) e nas Unidades de Terapia Intensiva.

Com isso será dada a oportunidade de olharmos para outras áreas do HRN como Obstetrícia, Cirurgia Geral e Neurocirurgia, a qual o hospital já é referência no Estado.

DN Online

Plenário da Câmara vai analisar relatórios do TCU para contas presidenciais

Câmara - plenário - votação ordem do dia plenário
O Plenário da Câmara dos Deputados vai analisar na próxima semana quatro projetos de decreto legislativo (PDCs) referentes a contas de ex-presidentes da República.

As quatro propostas são de autoria da Comissão Mista de Orçamento (CMO), a quem cabe analisar o relatório anual do Tribunal de Contas da União (TCU) sobre os demonstrativos da execução orçamentária do governo federal.

Todos os projetos são pela aprovação das contas. A sessão deliberativa segue um rito próprio.

As propostas são as PDC 384/97, que aprova as contas do então presidente Itamar Franco, do período de 29 de setembro a 31 de dezembro de 1992. O projeto já passou pelo Senado e se for aprovado pelos deputados, será promulgado.

O PDC 1376/09 , que aprova as contas do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva, referente ao exercício de 2006, com ressalvas. O TCU apontou 27 ressalvas, como descumprimento de metas previstas na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), não observância do piso de gastos com educação e falta de controle das transferências voluntárias para convênios com prefeituras, estados e entidades.

O PDC 40/11, que aprova as contas do então presidente Fernando Henrique Cardoso, referente ao orçamento de 2002, também com ressalvas. Entre os problemas apontados pelo TCU estão superavaliação de restos a pagar; a não inclusão, no passivo não financeiro da União, de deficit e juros devidos pelo Banco Central no valor de R$ 18,2 bilhões; e a existência de uma diferença de R$ 14,3 bilhões em empréstimos da União com estados e municípios nos balanços do Banco do Brasil e do Siafi. O relatório do tribunal apresenta ainda uma série de recomendações ao governo.

E o PDC 42/11, que aprova as contas do então presidente Lula, referente ao exercício de 2008, com ressalvas. Entre estas estão a falta de dados que possibilitem a análise dos resultados de programas de governo; inconsistências no balanço contábil das demonstrações financeiras; e manutenção de volume expressivo de restos a pagar. O tribunal também fez recomendações a diversos órgãos do governo.

Julgamento

De acordo com a Constituição, cabe ao Congresso Nacional julgar anualmente as contas prestadas pelo presidente da República. Pelo modelo em vigor, o TCU elabora o parecer prévio às contas enviadas pelo Executivo. O parecer é remetido para a Comissão de Orçamento, que após analisar o documento elabora o projeto de decreto legislativo solicitando a aprovação ou rejeição das contas.

Os projetos da Comissão de Orçamento são então votados, alternadamente, nos plenários da Câmara e do Senado.

Desde 1988, quando a Constituição entrou em vigor, o Congresso aprovou 11 contas presidenciais, sendo duas com recomendações (anos fiscais de 1996 e 1997) e uma com ressalva (1999), todas do governo FHC.

Rejeição

Até hoje, a Comissão de Orçamento só rejeitou as contas do presidente (e atual senador) Fernando Collor, referente à execução orçamentária entre 1º de janeiro a 29 de setembro de 1992 – esta última data marca o dia em que a Câmara aprovou o impeachment do ex-presidente, que foi substituído pelo vice, Itamar Franco.

No relatório enviado ao Congresso, o TCU recomendava a aprovação das contas de Collor, mas a comissão, em uma votação em agosto de 1996, acabou por rejeitá-las, seguindo o voto em separado do então deputado Sérgio Miranda (PCdoB-MG). O voto foi transformado no PDC 373/97, que aguarda votação na Câmara.

Folha de S. Paulo

Dilma é honrada e não está envolvida em corrupção, diz FHC

Em entrevista à revista alemã de economia Capital, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso defendeu a presidente Dilma Rousseff, afirmando que ela não está envolvida no escândalo de corrupção na Petrobras.

"Não, não diretamente. Mas o partido dela, sim, claro. O tesoureiro está na cadeia", afirma FHC em entrevista publicada – em alemão – na edição deste sábado 1 da revista. "Eu a considero uma pessoa honrada, e eu não tenho nenhuma consideração por ódio na política, também não pelo ódio dentro do meu partido, [ódio] que se volta agora contra o PT."

FHC atribui ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a responsabilidade política pelo escândalo de corrupção na Petrobras. "Os escândalos começaram no governo dele", argumenta. "Tudo começou bem antes, em 2004, com o Lula, com o escândalo do mensalão."

Questionado se Lula estaria envolvido, FHC responde: "Não sei em que medida. Politicamente responsável ele é com certeza. Os escândalos começaram no governo dele".

O ex-presidente, uma das principais lideranças do PSDB, afirma que era impossível que Lula não soubesse do mensalão. "Para colocá-lo atrás das grades, é necessário haver algo muito concreto. Talvez ele tenha que depor como testemunha. Isso já seria suficientemente desmoralizante", comenta.

Mas FHC afirma que seria ir longe demais colocar Lula na cadeia: "Isso dividiria o país. Lula é um líder popular. Não se deve quebrar esse símbolo, mesmo que isso fosse vantajoso para o meu próprio partido. É necessário sempre ter em mente o futuro do país."

Em outro ponto da entrevista, FHC elogia Lula. "Ele certamente tem muitos méritos e uma história pessoal emocionante. Um trabalhador humilde que conseguiu ser presidente da sétima maior economia do mundo."

Mais adiante, FHC afirma que Lula era como um Cristo. "Eles fizeram dele um deus, mas ele apenas levou adiante a minha política."

FHC diz ainda que há um lado bom na atual crise. "Os cidadãos veem: as instituições funcionam – Ministério Público, Polícia Federal, toda essa Operação Lava Jato."

Economize a partir de R$ 571 por ano na conta do celular ao trocar operadora

A associação de defesa do consumidor Proteste afirma ser possível economizar de R$ 571 a R$ 1.700 por ano na conta de telefone celular. Segundo a entidade, isso acontece porque 87% dos consumidores contratam o plano errado de telefonia na operadora.

A associação usa três tipos de perfil para analisar as diferenças de preços entre os pacotes oferecido pelas cinco principais operadoras do país (Claro, Nextel, Oi, Tim, Vivo) e duas regionais (Algar Telecom e Sercomtel).

A maior economia é percebida no perfil mais conectado, com diferença por mês de até R$ 143 em São Paulo e R$ 133 no Rio de Janeiro quando comparado o plano mais barato com o mais caro (R$ 292 para SP, e R$ 281 para RJ). Anualmente, o consumidor paulista poupará R$ 1.716 e o fluminense R$ 1.596.

No perfil intermediário, pode-se economizar no mês até R$ 103 em São Paulo e R$ 92 no Rio de Janeiro em relação ao plano mais caro, com 3 GB (R$ 192, para SP, e R$ 181, para RJ). 

A economia anual é de R$ 1.236 e R$ 1.104, respectivamente para cada Estado. Já o menor perfil pouparia R$ 571 por ano. O custo do plano mais barato é de R$ 74,99 por mês, somando custo fixo de R$ 69,99 e de R$ 5,00 pelo pacote de SMS, tanto para o Estado do Rio de Janeiro quanto para São Paulo.

Em recado a Cunha, Temer crítica radicalismo e divisões no PMDB

Em um recado indireto ao presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), o vice-presidente Michel Temer criticou nesta sexta-feira (31) o "radicalismo" na atual "fase delicada" do país.

Em discurso a dirigentes do partido em São Paulo, o peemedebista ressaltou que divisões internas na legenda não farão a sigla crescer.

"Não vamos pensar que divisões internas poderão fazer crescer o PMDB. O que nos faz crescer é a unidade", afirmou.

Segundo ele, a atual crise política e o momento de "descrença na classe política" pede "equilíbrio" do partido que, para o peemedebista, tem sido desde 1988 "o centro da governabilidade no país".

"Nós estamos passando por uma fase delicada no Brasil e, essa fase, demanda muito equilíbrio. Não podemos radicalizar em nenhum momento", pregou.

Acuado pela acusação de ter recebido US$ 5 milhões em propina no esquema de corrupção na Petrobras, o presidente da Câmara dos Deputados decidiu romper com o governo federal.

Na volta do recesso parlamentar, no mês que vem, ele ameaça colocar em votação projetos desfavoráveis ao Palácio do Planalto e deve colocar partidos de oposição na presidência de CPIs (Comissões Parlamentares de Inquérito) que podem fragilizar o governo federal.

O vice-presidente afirmou que não tem "nenhuma preocupação" pela possibilidade da oposição estar à frente das comissões de inquérito.

'É denúncia grave', diz Cardozo sobre entrevista de advogada da Lava Jato

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, afirmou nesta sexta-feira (31) que as declarações da advogada Beatriz Catta Preta, que, em entrevista à "TV Globo", na quinta-feira (30), disse ter sido ameaçada por integrantes da CPI da Petrobras, representam uma "denúncia grave" e que devem ser apuradas com rigor pelo MPF (Ministério Público Federal).

"Evidentemente, caberá ao Ministério Público Federal, que conduz a questão das delações premiadas, determinar as medidas que sejam cabíveis para apurar a situação", disse.

O ministrou se esquivou de perguntas sobre sua posição quanto à atitude de Beatriz, que foi responsável por firmar nove dos 22 acordos de delação premiada na Operação Lava Jato. Além de abandonar o caso, a criminalista revelou ter encerrado seu escritório e desistido da carreira por conta das supostas ameaças.

"Não posso entrar em considerações dessa natureza. Posso dizer que o Ministério Público e o Congresso Nacional têm a condição necessária e os mecanismos legais para fazer as apurações devidas."

Cobrança extra na conta de luz continua em agosto, diz Aneel

A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) divulgou nesta sexta-feira (31) que as contas de energia elétrica vão permanecer mais caras no mês que vem.

A agência reguladora do setor informou que agosto terá a bandeira tarifária vermelha. De acordo com o sistema (que divide as bandeiras nas cores verde, amarela e vermelha), as contas de luz de todos os consumidores ficam mais caras devido ao acionamento de usinas termelétricas, que têm custo de geração de energia maior.

Desde janeiro que a Aneel mantém a bandeira vermelha para as contas de luz. Na prática, isso significa um acréscimo de R$ 5,50 a cada 100 kilowatt-hora (Kwh) gastos.

O acionamento de usinas termelétricas acontece quando há redução dos níveis dos reservatórios das usinas hidrelétricas.

Prefeito Dr. Vilmar falou na rádio Vale do Quincoê sobre a paralisação da Prefeitura hoje (31)

O radialista Johnny Perreira, entrevistou hoje no programa Alô Prefeitura na rádio Vale do Quincoê, o prefeito Dr. Vilmar. Na oportunidade o alcaide acopiarense falou sobre a paralisação do município de Acopiara nesta sexta-feira. Escute.

Mais de 130 prefeituras aderem à paralisação, diz presidente da Aprece

Mais de 130 cidades cearenses teriam aderido a paralisação organizada pela Associação dos Prefeitos do Estado do Ceará (Aprece). A informação é do presidente em exercício da entidade, Evanildo Simão (PT), prefeito de Mauriti. "Várias cidades estratégicas aderiram a este protesto", diz, citando municípios como Crato, Quixadá e Iguatu. Entretanto, de acordo com a assessoria de imprensa da entidade, até o momento, a adesão é de 120 municípios. Nas cidades que participão da paralisação, apenas serviços essenciais, como emergências de hospitais, estão funcionando.

A paralisação desta sexta é organizada com o objetivo de reivindicar, segundo a Aprece, uma rediscussão da divisão dos recursos da Federação. Os prefeitos cearenses dizem enfrentar crise em seus municípios devido a queda da quantidade de programas federais, e redução dos recursos, principalmente do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). "O movimento de hoje não é contra nenhum ente federado, mas pela abertura de diálogo de um novo pacto federativo", diz Simão.

Entretanto, em carta divulgada no site da Aprece, Simão é mais duro. "A gestão municipal está chegando à inviabilidade, tendo em vista o agravamento dos problemas por inúmeros fatores, a exemplo de promessas assumidas e não cumpridas pelos Executivos estadual e federal", fala.

Em Iguatu, o prefeito Aderilo Caldeira (PRB),em coletiva de imprensa, declarou que os municípios não tem condição de arcar com os custos da máquina pública. "Se São Paulo não pode ser administrada sem um pacto com osgovernos estadual e federal, o que dizer de Iguatu?", questiona. De acordo com ele, a reunião que a presidente Dilma Rousseff (PT) teve com governadores na quinta-feira, 30, e anunciou que não haveria com ampliar repasses, deixou os prefeitos angustiados.

Durante a tarde, a expectativa é que os prefeitos-manifestantes visitem as Câmara Municipais em busca de apoio dos Legislativos de cada cidade.

O POVO Online

Delator diz que 'poderosos e partido do governo' se beneficiavam de esquema

mario goes1Em sua delação premiada, o lobista Mário Góes disse à Polícia Federal que achava que nunca teria problemas decorrentes da atividade ilícita que confessou ter praticado porque “pessoas poderosas e até o partido do governo” estariam sendo beneficiados do esquema. O delator não especificou quem seriam os “poderosos”.

Góes é apontado pela força-tarefa da Operação Lava Jato como operador de propinas de empreiteiras junto à Diretoria de Serviços da Petrobras, cujos beneficiários finais eram o diretor Renato Duque e o gerente Pedro Barusco, segundo os investigadores.

A afirmação foi feita quando Góes explicava por que havia envolvido o filho, que aparece como sócio de uma das empresas usadas pelo lobista no esquema de negócios ilícitos.

Ele afirma que “nunca imaginou que pudesse ocorrer algum problema quanto a essa atividade ligada a Pedro Barusco, uma vez que segundo ele pessoas poderosas e até o partido do próprio governo estariam sendo beneficiados por esse esquema”.

Mário Góes está preso desde fevereiro de 2015. Os termos da sua delação premiada foram homologados na quinta-feira, 30, pelo juiz federal Sérgio Moro, que conduz as ações penais da Operação Lava Jato.

O novo delator da Lava Jato já prestou 13 depoimentos, nos quais apontou valores pagos por empreiteiras ao gerente da diretoria de Serviços da Petrobras e indicou os caminhos do dinheiro ilícito.

Ele admitiu que usou suas empresas, a RioMarine e a Phad Corporation, para repasse de propinas e lavagem de dinheiro da empreiteira Andrade Gutierrez para a Diretoria de Serviços da Petrobras.

Estadão

Instituto Lula diz que foi alvo de 'ataque político' com bomba na quinta-feira

O Instituto Lula informou por meio de nota à imprensa nesta sexta-feira, 31, ter sido alvo de um "ataque político com artefato explosivo" na noite de quinta-feira, 30.

Segundo a nota, o objeto foi arremessado contra o prédio do instituto de dentro de um carro por volta das 22h. Não houve feridos. A bomba danificou o portal da garagem do prédio, local de trabalho do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Não houve nenhuma mensagem ou pichação.

O Instituto Lula disse que já comunicou as polícias civil e militar, além do secretário de Segurança Pública do Estado de S. Paulo e o ministro da Justiça, sobre o incidente e que espera que os "responsáveis sejam identificados e punidos".

Em maio deste ano, a sede do diretório municipal do PT em São Paulo também foi alvo de uma bomba.

Estadão

Homem é executado a bala em Jaguaribe (CE)

O plantão de polícia registrou há poucos instantes mais um homicídio a bala em Jaguaribe (CE), no bairro Populares. A vítima foi um homem identificado como Alcione do frigorífico (camisa preta). 

Ele foi alvejado com disparos de arma de fogo por elementos não identificados. A policia está apurando o caso.

Em notícia falsa, Planalto alardeia que governadores rejeitam impeachment

Às 23h23 da noite passada, a Presidência da República divulgou em seu blog uma ótima notícia para a inquilina do Palácio do Planalto:

“Os governadores das cinco regiões do país, que estiveram reunidos com a presidenta Dilma Rousseff, nesta quinta-feira (30), em Brasília, fizeram uma defesa clara da democracia, do Estado de Direito e da manutenção do mandato legítimo da presidenta Dilma e dos eleitos em 2014. Na ocasião, os representantes dos 27 Estados brasileiros deixaram clara sua posição de unidade em favor da estabilidade política do país.”

Quem lê o texto fica com a impressão de que Dilma arrancara dos governadores que se reuniram com ela no Palácio da Alvorada, inclusive os de oposição, uma manifestação unânime contra o impeachment. O único problema é que essa notícia é falsa. A posição dos governadores sobre a higidez do mandato de Dilma não é unânime. E o tema não foi debatido no encontro dos executivos estaduais com a presidente.

A falsa notícia veiculada no blog do Planalto realça uma declaração feita pelo governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), em entrevista coletiva concedida após a reunião.

“Existe uma preocupação conjunta, em primeiro lugar, com a agenda política”, disse Dino. “Primeiro, a defesa clara e inequívoca da estabilidade institucional, da ordem democrática, do Estado de Direito e contra qualquer tipo de interrupção das regras constitucionais vigentes. Portanto, defendemos a manutenção do mandato legítimo da presidenta Dilma Rousseff.”

Dino tinha ao seu lado, o ministro Aloizio Mercadante (Casa Civil) e outros quatro governdores: o paraibano Ricardo Coutinho (PSB), o goiano Marconi Perillo (PSDB), o catarinense Raimundo Colombo (PSD) e o paulista Geraldo Alckmin (PSDB). Incomodado, Alckmin desdisse Dino. Negou a suposta “preocupação conjunta” dos governadores com a permanência de Dilma na poltrona. O problema é que a negativa foi omitida no texto do Planalto.

Eis o que o governador tucano de São Paulo declarou e o blog do Planalto não registrou: “Isso não foi tema da reunião nem está em discussão. Não há nenhuma discussão em relação a isso [o mandato da presidente]. Nós defendemos o quê? Investigação, investigação, investigação e cumprir a Constituição. Nosso dever é cumprir a Constituição.”

Em vez de registrar a posição de Alckmin sobre o mandato presidencial, a pseudonotícia da Presidência mencionou-o noutro contexto: “Já o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, destacou a posição favorável dos governadores em relação a um dos principais temas discutidos no encontro com a presidenta: a unificação em 4% do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).”

Nesse ponto, o texto desinforma os leitores. A alteração do ICMS foi debatida na reunião. Mas não foi “um dos principais temas”. E não houve uma posição consensual dos governadores. A simpatia de Alckmin pela mudança não é endossada nem mesmo por companheiros de partido, como o goiano Marconi Perillo.

Ausente no debate do Alvorada, o tema do impeachment havia surgido numa reunião prévia. Sem a presença dos tucanos, que se encontraram na representação do governo do Paraná, os demais governadores debateram, num hotel próximo do Alvorada, os temas que tratariam com Dilma. Ali, Flávio Dino tentara convencer os colegas a divulgar uma manifestação conjunta contra o impeachment. Foi contestado pelo governado de Mato Grosso, Pedro Taques.

Em processo de rompimento com o PDT, Taques disse que não havia apenas governistas na sala. Recordou que passara pelo Senado como um senador “independente”. E declarou manter a mesmo posição como governador. Acrescentou: “do mesmo modo que não nos cabe discutir a Lava Jato, um caso da polícia, do Ministério Público e da Justiça, não seria adequado tratarmos de impeachment. Isso é uma pauta para a Câmara dos Deputados.” O assunto morreu.

Durante a reunião com Dilma, nem mesmo o apologista Dino se animou a mencionar o tema, só ressuscitado na entrevista coletiva que a notícia do Planalto falseou. Dilma ainda tentou empinar o tema por meio de indiretas. Como no trecho do seu discurso em que ela fez questão de recordar que seu mandato vai até 2018:

“Nós fomos eleitos na última maior mobilização democrática do país, que são as eleições. E, nessas eleições, nós assumimos compromissos perante o país e perante os nossos eleitores. E esses compromissos, expressos no plano de governo, eles dão um quadro que é o quadro que nós temos de desenvolver com todas ações, iniciativas, projetos. Enfim, realizando esse compromissos no horizonte, […] ao longo do nosso período de governo de quatro anos, portanto, até 2018.”

Folha de S. Paulo

Dados do BC Contas públicas fecham junho com rombo de R$ 9,3 bi, o maior em 14 anos

As contas do setor público brasileiro voltaram a fechar no vermelho em junho. Dados divulgados pelo Banco Central nesta sexta-feira (31) mostram que a União, Estados e municípios encerraram o mês passado com um deficit primário (receitas menos despesas, sem considerar gastos com juros) de R$ 9,3 bilhões.

Esse é o maior deficit já registrado em meses de junho na série histórica do BC, iniciada em 2001. No mês anterior, o resultado negativo foi de R$ 6,9 bilhões.

Considerando os números do primeiro semestre de 2015, a economia feita para pagar os juros da dívida pública ficou em apenas R$16,2 bilhões. Nos primeiros seis meses do ano passado, esse superavit havia sido de R$ 29,3 bilhões.

Segundo dados divulgados nesta quinta-feira, o deficit fiscal apenas do governo federal no primeiro semestre foi de R$ 1,6 bilhão.

Na observação dos números dos últimos 12 meses, as contas públicas aumentaram o saldo negativo. O deficit atingiu no mês passado R$ 45,7 bilhões, o equivalente a 0,80% do PIB (Produto Interno Bruto).

A nova meta fiscal do governo para 2015, anunciada na semana passada, prevê uma economia de R$ 8,7 bilhões, ou 0,15% do PIB, até dezembro.

O relatório do BC mostra ainda que a dívida líquida do setor público caiu para o equivalente a 34,5% do PIB. Em dezembro de 2014, o endividamento correspondia a 34,1% de todas as riquezas produzidas no país.

Tremor de terra atinge município de Senador Sá, no Ceará

Um tremor de terra foi sentido pela população do distrito de Serrote, zona rural do município de Senador Sá, na manhã de quarta-feira (29). Apesar do susto, o abalo sísmico foi considerado de baixa intensidade registrando 2,2 graus na escala Richter.

Além desse, mais outros dois tremores de terra ocorreram na semana passada em municípios próximos a Senador Sá: um em Camocim com 2,7 graus no último sábado, e outro na zona rural de Granja com 3,2 graus na escala Richter, registrado no dia 20 de julho.

Tremores de terra de baixa intensidade são frequentes no Ceará em função da movimentação das placas tectônicas. A professora Livramento Costa, moradora da zona rural do município de Granja, onde foi registrado o maior tremor deste mês de julho, foi uma das que percebeu o abalo. “Toda a região aqui, a gente sentiu. Mas não é a primeira vez”.

Apesar de constantes, o técnico da Defesa Civil do Ceará Francisco Brandão considera que os últimos tremores registrados no Norte do estado estão dentro da normalidade. “Tremores de pequenas magnitudes, pequenas intensidades, já são normais aqui no Ceará”, conclui.

Fonte: Tribuna do Ceará

Subtenente morre após ser atingido por quatro tiros em assalto

Um subtenente da Polícia Militar (PM) morreu atingido por quatro tiros após ter tentado intervir em um um assalto na rua 24 de Maio, Centro. O episódio ocorreu por volta das 8h desta sexta-feira, 31.

O subtenente Jessé de Moura Freire Neto foi encaminhado ao Instituto Dr. José Frota (IJF), onde não resistiu aos ferimentos. Ele era lotado na 3ª Companhia do 6º Batalhão de Polícia Militar (3ªCia /6º BPM).

Um acusado foi preso logo após o crime e encaminhado ao 34º Distrito Policial (34º DP). Trata-se de Ismael Ferreira da Silva.

O 34º DP informa que dois homens praticavam um assalto, quando o subtenente Jessé tentou evitar a ação. O PM foi, então, atingido pelos disparos.

O POVO Online

Garrafas em chinês e indonésio são achadas perto de destroço de avião

Garrafa de sabão líquido feita na Indonésia foi encontrada ao lado de destroço de avião na Ilha de Reunião, no Oceano Índico, em foto desta sexta-feira (31) (Foto: Zinfos974/Prisca Bigot/Reuters)
Uma garrafa com inscrições em chinês e outra em indonésio foram encontradas nesta sexta-feira (31) perto da praia da ilha francesa de Reunião, no Oceano Índico, onde na quarta-feira (29) surgiu um pedaço de um avião que pode pertencer ao boeing do voo MH370 de Malaysia Airlines que sumiu em março de 2014.

Segundo o meio digital da ilha, o "Linfo.re", se trata de uma garrafa de água com a etiqueta em chinês e de um produto de limpeza indonésio, encontrados perto do local no qual apareceram os destroços do avião.

No local apareceu também ontem uma mala que é analisada pelos investigadores.

Os destroços de avião achados na quarta-feira passada vão ser levados esta mesma noite para um laboratório especializado da Aeronáutica francesa situado em Toulouse, no sul do país.

G1

Fies recebe R$ 5,1 bilhões de crédito extraordinário liberado por MP

A presidente Dilma Rousseff e o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, liberaram um crédito extraordinário de R$ 9,8 bilhões para o Ministério da Educação (MEC), de Encargos Financeiros da União e Operações Oficiais de Crédito. Do valor estabelecido, R$ 5,178 bilhões serão reservados ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). As informações foram publicadas na edição desta sexta-feira (31) do "Diário Oficial da União".

Trata-se de um crédito extraordinário por ser um valor concedido além do orçamento da Educação estipulado pelo governo federal.

Da quantia destinada ao Fies, R$ 4,2 bilhões serão utilizados para concessão de contratos do programa. Além disso, R$ 578 milhões serão usados para a administração do programa e R$ 400 milhões para integralização de cotas do Fundo de Garantia de Operações de Crédito Educativo (FGEDUC). Para a pós-graduação e educação superior, foram liberados R$ 35,8 milhões.

Do valor total liberado, R$ 4,6 bilhões serão utilizados pela subvenção econômica em Operações de Financiamento no âmbito do Programa de Sustentação do Investimento e do Programa Emergencial de Reconstrução de Municípios Afetados por Desastres Naturais.

Inscrições no dia 3 de agosto

As regras para a edição do segundo semestre do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), que terá 61.500 vagas foram divulgadas na segunda-feira (27). As inscrições começam na próxima segunda (3) e vão até as 23h59 do dia 6. As informações foram publicadas no "Diário Oficial da União".

O MEC também divulgou na segunda, em nota, que o prazo para o aditamento de contratos já vigentes do Fies também terá início na próxima segunda (3). O prazo inclui também o aditamento de contratos que não foram renovados no primeiro semestre. "Todos os estudantes que já estão no Fies e que, por alguma razão, não realizaram o aditamento referente ao primeiro semestre de 2015 podem fazê-lo durante o período de renovação do segundo semestre, que terá início em 3 de agosto", diz o comunicado. Segundo o MEC, há menos de 100 mil pessoas nesta situação.

G1

Inscrições abertas para o 6º edital para implantação de Centros de Educação Infantil

Municípios cearenses interessados em concorrer a recursos financeiros destinados à implantação de Centros de Educação Infantil (CEIs) têm até a próxima segunda-feira, 03, para realizarem suas inscrições. A iniciativa é do Governo do Estado, através da Secretaria da Educação (Seduc).

A construção dos CEIs integra uma das ações da política de cooperação do Estado com os Municípios. Cada Centro terá capacidade de atendimento a 208 crianças e valor médio de R$ 1,3 milhão. Sua estrutura é composta de quatro salas de aula, laboratório de informática, refeitório, cozinha, berçário, fraudário, dormitório, copa, recepção e playground.

Carta do presidente interino da Aprece esclarece sobre a paralisação dos municípios cearenses

Os municípios brasileiros e, especialmente, os cearenses estão vivenciando uma forte crise financeira, que nesse momento está agravada pela situação econômica do país e, em especial, pelo ajuste fiscal promovido pelos governos Federal e Estadual que impacta diretamente nos serviços públicos básicos prestados aos brasileiros.

A gestão municipal está chegando à inviabilidade, tendo em vista o agravamento dos problemas por inúmeros fatores, a exemplo de promessas assumidas e não cumpridas pelo Executivo Estadual e Federal, tais como projetos aprovados em Brasília cuja falta de liberação/cumprimento ocasionam impactos negativos nas finanças municipais; queda de valor do Fundo de Participação dos Municípios – FPM; Falta de reprogramação dos recursos do Monitoramento de Ações e Projetos Prioritários – MAPP de 2014 para 2015 pelo Governo do Estado; a Seca, dentre outros.

Diante da situação, os gestores públicos dos municípios do Estado do Ceará, em Assembléia Geral Extraordinária realizada no dia 28 de julho deliberaram que, no dia 31 de julho de 2015, realizarão uma PARALISAÇÃO de suas atividades, com funcionamento apenas para a Emergência Hospitalar, com o objetivo de chamar a atenção da população e da imprensa para a reivindicação dos prefeitos municipais, com comunicação prévia ao Ministério Público local.

Esse momento visa chamar para o debate o Governo Estadual e Federal para uma análise da crise municipal que está afetando a grande maioria dos municípios brasileiros, e, como resultado, será entregue uma Carta Em Defesa dos Municípios Cearenses ao Governador Camilo Santana e a Presidente Dilma.

Francisco Evanildo Simão da Silva
Presidente Interino da Aprece

Sancionada lei que dispensa emplacamento de máquinas agrícolas; Municípios terão que registrá-las

Pref. Água azul do norte (PA)Foi sancionada a lei que dispensa máquinas agrícolas do emplacamento e do licenciamento. A presidente da República, Dilma Rousseff, vetou alguns artigos. A nova legislação, com o número 13.154/2015, foi publicada na edição desta sexta-feira, 31 de julho, no Diário Oficial da União (DOU).

De acordo com a lei, os Municípios terão responsabilidades. "Compete aos órgãos e entidades executivos de trânsito dos Municípios, no âmbito de sua circunscrição: registrar e licenciar, na forma da legislação, veículos de tração e propulsão humana e de tração animal, fiscalizando, autuando, aplicando penalidades e arrecadando multas decorrentes de infrações".

E ainda, "o registro e o licenciamento dos veículos de propulsão humana e dos veículos de tração animal obedecerão à regulamentação estabelecida em legislação municipal do domicílio ou residência de seus proprietários."

Vetos

O texto transformado em lei é oriundo da Medida Provisória 673/2015. No Congresso, os parlamentares incluíram também a dispensa do seguro obrigatório. Mas este trecho foi vetado. Por outro lado, a presidente acatou outra inclusão feita pelos congressistas.

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) fica autorizada a renegociar e prorrogar, até 2019, as dívidas contraídas no âmbito do Programa de Aquisição de Alimentos. A autorização vale para operações da modalidade formação de estoque, contratadas até 2012.

CLT

Esta nova legislação altera a Consolidação das Leis de Trabalho (CLT). Agora, operadores de automotores destinados a puxar ou a arrastar maquinaria de qualquer natureza ou a executar trabalhos de construção pavimentação e aos operadores de tratores, colheitadeiras e demais aparelhos automotores agrícolas terão a jornada diária de trabalho igual a de motorista profissional. Portanto, de oito horas, prorrogáveis por mais duas ou quatro (mediante acordo coletivo).

Acesse íntegra da Lei 13.154/2015

Subtenente da PM reage a assalto e é baleado no Centro de Fortaleza

Um subtenente da Polícia Militar foi baleado na manhã desta sexta-feira (31), durante uma tentativa de assalto, no Bairro Centro, em Fortaleza. Segundo informações do 34º Distrito Policial, o subtenente estava em uma loja na Rua 24 de Maio quando dois homens entraram na loja e anunciaram o assalto. De acordo com a polícia, o policial estava de folga e reagiu com o intuito de evitar o assalto.

A polícia disse que o subtenente ficou ferido e não soube informar quantos tiros atingiram o subtenente. Os dois suspeitos fugiram. Os funcionários da loja acionaram uma ambulância do Samu e o encaminharam para o Hospital Instituto Doutor José Frota (IJF), no Bairro Centro e conforme o 34º Distrito Policial o estado de saúde do policial é preocupante.

Equipes do comando de policiamento Ronda do Quarteirão, Comando Tático Motorizado (Cotam) e Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) realizaram buscas no Centro e conseguiu prender um dos suspeitos de ter atirado no policial. Ele está detido no 34º Distrito Policial, no Centro. O comparsa segue foragido.

Estudante é condenado a 16 anos de prisão por matar ex-namorada no CE

Casal tinha discussões frequentemente, segundo testemunhas (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)
O estudante Sam Michel Alberto de Oliveira foi condenado, nesta quinta-feira (30), a 16 anos de prisão pelo assassinato Lara Cibele Silva Anastácio. O julgamento ocorreu na 3ª Vara do Júri do Fórum Clóvis Beviláqua, em Fortaleza, em sessão presidida pelo juiz Eli Gonçalves Júnior.

O réu foi julgado por homicídio duplamente qualificado (motivo fútil e com uso de recurso que impossibilitou a defesa da vítima) e fraude processual, pois ele teria se ferido com o objetivo de alterar a cena do crime e dificultar a apuração. Por estar detido provisoriamente desde 11 de julho de 2014, ele cumprirá 15 anos de pena.

Cabe recurso, e a defesa já anunciou que pretende recorrer tanto da pena para o crime de homicídio (15 anos e seis meses) quanto para a de fraude processual (seis meses). Caso haja recurso, o julgamento ocorrerá com Sam ainda preso. O júri foi composto por cinco mulheres e dois homens. A identidade de nenhum deles pode ser revelada.

G1/CE