TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019

Morte de adolescente revolta familiares e amigos que protestam antes de sepultamento no Ceará

A morte da adolescente Sthefany Alves Duarte, de 15 anos, ocorrida ontem, revoltou familiares e amigos que protestaram na frente do Hospital Maternidade São Lucas, em Juazeiro do Norte, na manhã desta quarta-feira (20). A garota foi internada no dia 2 de fevereiro naquela unidade para dar à luz ao filho cinco dias depois. Porém, começou a sentir complicações após o parto e faleceu após sofrer uma infeção no útero. A família acredita que os médicos foram negligentes.

De acordo com uma parente da adolescente, após ter o parto normal, no dia 7 de fevereiro, Sthefany continuou internada e começou a sangrar muito, sentir febre e uma dor na barriga muito forte. “Avisei a enfermeira e ela disse que era normal”, conta a familiar que não quis se identificar.

Após receber alta, a garota voltou a reclamar de dores e sua família a trouxe de volta ao Hospital São Lucas. Lá, os médicos disseram que a dor abdominal era causada por gases intestinais. Insatisfeitos com isso, os parentes levaram a adolescente ao Hospital São Vicente de Paulo, em Barbalha. Lá, foi feita uma ultrassonografia, que detectou uma infeção no útero de Sthefany.

A jovem teve que passar por uma cirurgia de alto risco para a retirada do órgão. Apesar de sofrer duas paradas cardíacas, conseguiu sobreviver à intervenção. Contudo, a infecção já tinha se espalhado pelo corpo da adolescente, que faleceu na Unidade de terapia intensiva (UTI) na manhã de ontem. “Isso aconteceu por irresponsabilidade do São Lucas”, protestou uma amiga em uma rede social.

Dezenas de amigos e parentes de Sthefany lamentaram e denunciaram o Hospital morte nas redes sociais e também fizeram protesto em frente à unidade de saúde.

Prefeito de Jucás (CE), Luna Neto, é eleito presidente do Consórcio Policlínica; Ednaldo Lavor, prefeito de Iguatu, é o vice

O prefeito de Jucás (CE), Raimundo Luna Neto (PDT), foi eleito há poucos instantes o mais novo presidente do Consórcio Policlínica da Região Centro Sul do Ceará. 
Ele vai substituir Ednaldo Lavor, prefeito de Iguatu, que agora assume a condição de vice. A eleição foi chapa única e Luna Neto foi eleito por unanimidade. 

Ceará, Tiradentes e Maranguape realizam “peneiradas” em fevereiro; saiba como participar

Três clubes da Região Metropolitana de Fortaleza realizam avaliação técnica para captar novos talentos neste mês de fevereiro. Ceará, Maranguape e Tiradentes promovem “peneiradas” com inscrições que custam no máximo R$ 20. Confira:

Ceará

Categorias: sub-13 e sub-15
Quando: 23/02 (sábado)
Horário: 7h30 (apenas para inscritos no dia anterior)
Onde: Areninha Thauzer Parente (Rua Pedro Sampaio, 416, Quintino Cunha, Fortaleza)
Inscrição: grátis. Deverá ser realizada no dia 22/02, das 14h às 17h, no local da avaliação
Contato: (85) 99708.0181

Maranguape

Categorias: sub-17 e sub-20
Quando: 25/02 (segunda-feira)
Horário: 14h
Onde: Estádio Moraisão (Rua Senador Almir Pinto, Outra Banda, Maranguape)
Inscrição: 2 kg de alimentos não perecíveis
Contato: (85) 99727.8524

Tiradentes

Idade: nascidos em 2002, 2003 ou 2004
Quando: 25/02 (segunda-feira)
Horário: 14h
Onde: sede do clube (Rua Costa Rica, 111, Antônio Bezerra, Fortaleza)
Inscrição: R$ 20
Contato: (85) 3235.2676

Reforma da Previdência deve gerar economia de R$ 1,1 trilhão em 10 anos

A proposta de reforma da Previdência entregue hoje (20) ao Congresso Nacional gerará economia de R$ 1,165 trilhão em 10 anos, informou, em Brasília, o Ministério da Economia. Somente nos quatro primeiros anos, o governo deixará de gastar R$ 189 bilhões, caso o texto seja aprovado conforme a versão original.

Segundo o ministério, a União economizará R$ 715 bilhões nos próximos 10 anos com as mudanças na Previdência dos trabalhadores da iniciativa privada.

Com a Previdência dos servidores públicos federais, a economia está estimada em R$ 173,5 bilhões. O aumento na alíquota de contribuição dos servidores federais causará economia adicional de R$ 29,3 bilhões.

As mudanças no Benefício de Prestação Continuada (BPC) e a restrição do abono salarial para quem ganha até um salário mínimo acarretarão economia de R$ 182,2 bilhões.

Em compensação, a redução parcial nas alíquotas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para algumas faixas de renda provocará gasto de R$ 27,6 bilhões. Ao descontar das economias o efeito da mudança das alíquotas, a economia final corresponderá a R$ 1,165 trilhão.

(Agência Brasil)

Grendene abre vagas para estágio em Sobral e Farroupilha

O Grupo Grendene abriu seu programa de estágio deste ano. Oferece vagas em suas unidades de Sobral (Zona Norte) e Farroupilha (RS). São várias as oportunidades.

Em Sobral, por exemplo, as vaga foram abertas para os cursos de Administração, Biologia, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas, Ciência da Computação, Computação, Engenharias, Finanças, Física, Matemática, Tecnologia de Saneamento Ambiental ou Tecnologia em Mecatrônica Industrial e Química.

Ceará: Secretaria da Saúde vai implantar central de monitoramento dos serviços das unidades hospitalares

A listagem de realizações, para o próximo mês de março, selecionada pelo secretário estadual da Saúde, Cabeto Martins Rodrigues, garante luzes de efeito.

A Escola de Saúde Pública, que tem suas ações ampliadas, implantará o BIGData, um banco de informações para servir a central de monitoramento que, em boa hora, ganha este reforço de olho no acompanhamento do índice de eficiência de todas as unidades do setor e de seus funcionários.

Também em março, haverá o redimensionamento das emergências do Interior e da Capital e o término das instalações dos leitos de UTI e das enfermarias do Hospital Walter Cantídio, que chegarão a 90.

Secretaria do Meio Ambiente do Ceará recruta voluntários

Começa nesta quinta-feira o recrutamento de interessados em participar do Programa Agente Voluntário Ambiental (AVA), período 2019 – 2020. O AVA é uma iniciativa da Secretaria do Meio Ambiente do Ceará e objetiva promover e incentivar o trabalho voluntário nas unidades de conservação (UCs) sob a gestão do Governo. Neste ano, serão disponibilizadas 20 vagas para dez UCs e uma para trabalhar na sede da Sema. As informações são do titular da secretaria, Artur Bruno.

As vagas serão abertas para as seguintes localidades: Parque Estadual do Cocó, Parque Estadual Botânico do Ceará, Estação Ecológica do Pecém, APA da Bica do Ipu, Parque Estadual do Sítio Fundão, APA da Serra de Baturité, ARIE do Sítio Curió, APA do Rio Pacoti, Monumento Natural das Falésias de Beberibe, Monumento Natural Os Monólitos de Quixadá, e uma para a Célula de Conservação da Diversidade Biológica (Cedib), na sede da SEMA,em Fortaleza.

Tarefas

Pelas diretrizes do AVA, pode participar do programa todo cidadão com idade a partir de 18 anos e interessado no desenvolvimento de atividades de manejo, gestão e proteção, nas unidades de conservação do Estado.

Dentro do programa do AVA, o voluntário poderá realizar tarefas do tipo: prestar informações; desenvolver projetos de educação ambiental e pesquisa; manutenção de trilhas e instalações; apoio às populações do entorno; trabalhos administrativos; brigadas de incêndio; buscas e resgates; recuperação de áreas degradadas e manejo de espécies exóticas”, entre outras. Para mais informações, entrar em contato com a CEDIB, por meio dos e-mails cedib@sema.ce.gov.br; ava@sema.ce.gov.br ou pelo telefone: 3101 5530.

Para ter 100% da aposentadoria, será necessário contribuir por 40 anos com a previdência

O Ministério da Economia confirmou nesta quarta-feira, 20, que os brasileiros que ganham acima de um salário mínimo precisarão contribuir por 40 anos para conseguir se aposentar com 100% do salário de contribuição (cujo teto hoje é de R$ 5,839 mil). A regra havia sido adiantada pelo Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) ainda no dia 4 de fevereiro, por meio da minuta da proposta.

Para quem ganha o piso, nada muda, uma vez que o texto proíbe o pagamento de qualquer aposentadoria abaixo de um salário mínimo. Mesmo assim, essa regra deve ser um dos focos de resistência dos parlamentares durante a tramitação no Congresso Nacional.

O ministério também confirmou que os segurados que ganham mais de um salário mínimo vão ter direito a 60% do benefício ao completar 20 anos de contribuição - que passaria a ser o tempo mínimo de contribuição, hoje em 15 anos. A cada ano adicional, são conquistados mais 2 pontos porcentuais. Por exemplo, quem conseguir ficar 35 anos recolhendo para a Previdência vai receber 90% do salário de contribuição.

A regra vale tanto para o INSS quanto para o regime dos servidores públicos, embora o tempo mínimo de contribuição a ser exigido seja diferente. Enquanto no INSS será de 20 anos, para o funcionalismo seria de 25 anos. Para professores, que, pela proposta, seriam contemplados com idade mínima menor (60 anos), a exigência seria de 30 anos de contribuição.

Fernanda Montenegro passa mal em gravação e é levada para hospital

Fernanda Montenegro, de 89 anos, foi internada na tarde desta terça-feira (19) após passar mal. A atriz estava gravando a novela "A dona do pedaço", em Jaguari, no Rio Grande do Sul. Segundo a assessora pessoal, Fernanda tomou café da manhã reforçado e, durante o trabalho, passou mal. Segundo o Globo, ela foi levada às pressas para um hospital local, onde tomou soro.

Pela noite, Fernanda foi levada de ambulância até o aeroporto de Santa Maria. De avião particular, às 22h, foi levada até o Rio de Janeiro. A informação foi confirmada pela prefeitura de Santa Maria.

"Fernanda ficou desidratada, tomou soro e já foi liberada. Nada grave. Ela já está no hotel descansando", falou ao jornal a assessora. Na nova novela, escrita por Walcyr Carrasco, ela viverá a avó de Juliana Paes.

Orós acumula o menor volume hídrico de sua história

O segundo maior reservatório do Estado do Ceará atingiu seu menor nível desde que foi inaugurado, em 1961. De acordo com o portal hidrológico da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), o açude Juscelino Kubitschek, popularmente conhecido com Açude Orós, acumula apenas 5,3% da capacidade total, que é de 2 bilhões de metros cúbicos.

A escassez de chuva contribui, desde 2012, para a perda da reserva hídrica. O açude nunca esteve tão seco como agora e, a tendência, é de mais perda de volume nos próximos dias já que as chuvas ainda não atingiram a região com boa intensidade. Como agravanete, o reservatório que faz parte da Bácia do Alto Jaguaribe, continua liberando, em média, mil litros por segundo para abastecimento do leito do Rio Jaguaribe.

Conheça os diferentes tipos de água de beber

Líquido insípido, incolor e inodoro. Ou: dois átomos de hidrogênio ligado a um de oxigênio. Essas são definições básicas para a água. Mas, o que você bebe tem características que vão muito além. Cada tipo de água tem diferenças não só no processo de produção, como também na quantidade de minerais e no perfil microbiológico.

No caso da água mineral natural, a tarefa da indústria é levar ao consumidor um produto com as mesmas propriedades encontradas na fonte. O líquido precisa ter conteúdo definido e constante de determinados sais “minerais, oligoelementos (microminerais) e outros constituintes”, como classifica a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), além de propriedades que conferem ação medicamentosa, aponta o Código de Águas Minerais.

A apenas natural é aquela com condições semelhantes, mas sem presença das substâncias em nível suficiente que permita classificação como mineral. Já a adicionada de sais opera em outra lógica: a água captada passa por tratamento, sendo “preparada e envasada” com colocação de pelo menos 30mg/litro de sais de grau alimentício, entre 20 combinações possíveis de cálcio, sódio, magnésio e potássio. A água potável provida pelo sistema público de abastecimento - que pode ou não passar por mais procedimentos, como purificadores - tem outras regras específicas.

Em comum, todas têm como requisito a obrigatória ausência da bactéria Escherichia coli. No caso da água mineral, a lista de exigências de adequação é maior: inclui ainda restrição a sinais de coliformes (fecais) termotolerantes, coliformes totais, enterococos, pseudomonas aeruginosa, clostrídios sulfito redutores ou clostridium perfringens.

“Toda água mineral ou potável de mesa exerce uma ação eficaz no organismo humano, porém algumas questões devem ser sempre observadas. Obviamente que a concentração de sais minerais contidos na água mineral confere propriedades específicas no organismo, além do que uma água natural e potável de mesa possa oferecer”, esclarece o médico Marcos Untura Filho, especialista em Hidrologia.

Fora do rol das águas engarrafadas, a água de sistema de abastecimento precisa obedecer à conceituação de água própria para consumo humano disposta pela portaria de consolidação 5 do Ministério da Saúde, de 28 de setembro de 2017. O documento estabelece padrão para tolerância a substâncias que representam risco à saúde ou que possam afetar a adequação à ingestão, além de norma sanitária para todo o processo produtivo e regra para tratamento com cloro, entre outros itens. Esses parâmetros também abrangem as soluções alternativas de abastecimento, que operam sem rede de distribuição de água.

Um fator importante para quem opta por beber água fornecida por sistema de abastecimento é considerar as condições de armazenagem, pois uma caixa d’água sem a devida rotina de limpeza pode representar contaminação do líquido que sai pelas torneiras. Para reforçar, nesse caso, a fervura pode ser um recurso importante para eliminar eventuais impurezas. Alternativas são os equipamentos de filtro ou purificadores de água. Eles não cumprem o tratamento que os sistemas de abastecimento executam. O papel é o de melhorar a água para beber, recolhendo partículas e reduzindo a incidência de substâncias.

Os filtros possuem um vela central, que retém impurezas. Já os purificadores têm uma ação mais complexa, variando conforme aparelho e fabricante, que inclui diversas etapas de processamento da água e podem até ajustar o PH dela. Ambos devem conter selo de conformidade do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia), que estabelece qualificações de diferentes níveis para critérios como retenção de partículas, redução de cloro e eficiência na eliminação de bactérias.

VEJA AS DIFERENÇAS DAS ÁGUAS

ÁGUA MINERAL

são águas provenientes de fontes naturais que possuam composição distintas das águas comuns. Água mineral possui características que lhes conferem ação medicamentosa.

ÁGUA ADICIONADA DE SAIS

água superficial ou subterrânea que deve ser submetida a processos físicos, químicos ou uma combinação destes, visando a obtenção de água, que será manipulada e envasada.

ÁGUA PURIFICADA

é a água tratada por purificadores de água.

ÁGUA POTÁVEL DE MESA

água que pode ser tratada ou retirada de fontes naturais, deve ser insípida, inodora, incolor e sem microorganismos que causam doenças.

O POVO

Uece recebe pedido de isenção da taxa do 2º Vestibular 2019

A Universidade Estadual do Ceará (Uece) recebe até a próxima sexta-feira, dia 22 de fevereiro, os requerimentos eletrônicos de solicitação de isenção da taxa de inscrição do Vestibular destinado ao ingresso nos cursos de graduação regular da Uece no 2º período letivo de 2019, de acordo com as normas e condições estabelecidas neste Edital de nº 04/2018.

Os cursos ofertados para o Vestibular 2019.2 e suas respectivas vagas constarão no Edital que regulamentará este Certame.

A partir das 23h59 do dia 22 de fevereiro de 2019, o acesso ao site para o preenchimento dos formulários de solicitação de isenção da taxa do Vestibular 2019.2 será bloqueado.

Em virtude do formulário eletrônico de solicitação de isenção da taxa de inscrição do Vestibular 2019.2 poder ser preenchido até as 23h 59min do dia 22 de fevereiro, os requerimentos preenchidos, juntamente com toda a documentação pertinente a cada categoria de isenção, poderão ser entregues no dia 25 de fevereiro de 2019, no horário corrido das 8 horas às 19 horas (exclusivamente neste dia), para os dias de entrega anteriores (18 a 22 de fevereiro) o horário fica mantido, das 08 às 17 horas, nos guichês de atendimento anexo à sede da CEV/Uece, campus Itaperi, e nas sedes das Unidades da Uece do Interior do Estado, em seus respectivos horários de funcionamento.

Das Categorias de Isenção
Poderão ser contemplados com isenção do pagamento da taxa de inscrição para o Vestibular 2019.2, os candidatos interessados em ingressar nos cursos de graduação regular da Uece e que estejam enquadrados em uma das seguintes categorias:

Categoria A: Servidor (professor ou funcionário) da Funece e servidor (professor ou funcionário estadual) cedido à Funece;

Categoria B: Filho ou dependente legal (por decisão judicial) de servidor (professor ou de funcionário) da Funece e filho ou dependente legal (por decisão judicial) de servidor (professor ou funcionário estadual) cedido à Funece;

Categoria C: Doador de sangue no Estado do Ceará;

Categoria E: Egresso do Ensino Médio, que tenha cursado com aprovação, todo o Ensino Médio regular, durante três anos letivos (1º, 2º e 3º anos), em escolas públicas (municipal, estadual ou federal) de funcionamento regular no Estado do Ceará;

Categoria F: Aluno que esteja cursando, em fevereiro de 2019, o segundo semestre do 3º ano do Ensino Médio em escola pública (municipal, estadual ou federal) de funcionamento regular no Estado do Ceará e que tenha cursado o 1º semestre do 3º ano em escola pública (municipal, estadual ou federal), bem como o 1º e o 2º anos do Ensino Médio, com aprovação, também em escola pública (municipal, estadual ou federal) de funcionamento regular no Estado do Ceará;

Categoria H: Pessoa Hipossuficiente, cuja renda familiar per capita seja inferior a ½ salário mínimo.

Para as categorias elencadas E e F serão concedidas, no máximo, duas isenções. A primeira concessão de isenção equivale a 100% (cem por cento) do valor da taxa de inscrição e a segunda, a 50% (cinquenta por cento) do valor da referida taxa.Tendo em vista os custos do processo, após a concessão da isenção, a decisão do beneficiário de não a usufruir será considerada e contada como uma concessão já deferida, quando o mesmo a solicitar pela segunda vez.

Navio que levava Wesley Safadão tem casos de sarampo e tripulação fica em quarentena

O Ministério da Saúde constatou que um navio atracado em Santa Catarina sofreu um surto contagioso provavelmente provocado por sarampo. Tripulantes passaram por exames e os resultados descartaram a possibilidade de contágio por rubéola, doença inicialmente cogitada pelas autoridades sanitárias. Os passageiros, entre eles o cantor Wesley Safadão, que estava na embarcação, não tiveram contato com os casos suspeitos, que foram isolados durante a viagem.

O jornal O Estado de S. Paulo apurou que, das 16 amostras realizadas, 8 foram identificadas positivas como sarampo.

Diante da constatação, a recomendação é de que todos os passageiros do navio sejam vacinados contra a doença. O navio deve retornar para Santos nesta quarta-feira (20), onde a imunização será realizada. O sarampo é uma doença extremamente contagiosa.

O Seaview é um dos maiores navios de cruzeiro a operar na costa brasileira. Estava a bordo do navio o cantor Wesley Safadão, que deu um show durante a viagem. A assessoria do cantor ainda não comunicou se ele foi imunizado.

Estado do Ceará vai levar 12 programas de formação musical e 19 equipamentos sociais para cidades do Interior

O Governo do Ceará e nove prefeituras traçaram, nesta terça-feira (19), as primeiras notas da partitura que irá dar o tom do projeto de capacitação de músicos e aquisição instrumental de bandas, corais e pequenas orquestras em municípios cearenses. Em paralelo, a assistência social também entra no tom. Convênios nesse sentido foram celebrados pela secretária de Proteção Social, Justiça, Mulheres e Direitos Humanos (SPS), Socorro França, em parceria com 12 cidades, para construção de mais 19 equipamentos sociais, sendo nove Centros de Educação Infantil (CEI) e dez Centros de Referência da Assistência Social (CRAS), além de 12 programas de formação musical, por meio do Programa de Apoio às Reformas Sociais (Proares III).

“Nossa prioridade é a primeira Infância e as comunidades mais pobres do nosso Estado. Os CRAS são as referências nos municípios para atender as famílias de forma integrada, os CEIs nos asseguram a estrutura para darmos maior atenção às crianças, inclusive com berçários; enquanto os programas musicais empoderam as crianças e nossos jovens e incentivam o protagonismo juvenil por meio da música”, declarou a titular da SPS, ao assinar os convênios, ao lado da primeira-dama do Ceará, Onélia Santana, do secretário Estadual de Relações Institucionais, Nelson Martins, e dos prefeitos das cidades contempladas no programa.

Os 12 municípios contemplados são Aiuaba, Araripe, Caridade, Catunda, Chaval, Choró, Croatá, General Sampaio, Graça, Ibicuitinga, Quiterianópolis e Tamboril.

“Nossa meta é universalizar a presença das crianças na pré-escola”, acrescentou Onélia Santana, ao destacar a importância da parceria do Governo do Ceará com os municípios, na promoção do desenvolvimento infantil, a partir do Programa Mais Infância Ceará, operacionalizado sob a sua supervisão, nos 184 municípios cearenses. “Precisamos envolver nossas crianças na música, empoderá-las pela educação, pelo esporte e cultura. Esse é o caminho”, defendeu a primeira-dama do Ceará, durante a solenidade, no auditório da SPS.

“A palavra mais importante na construção de um Ceará melhor é a parceria, não apenas entre as instituições do Estado, mas também com os municípios”, acrescentou Nelson Martins, ao explicar o formato da engenharia financeira que viabiliza o programa. As obras serão construídas por meio do Proares III. Conforme explicou, os 19 equipamentos sociais e o Programa de Formação Musical terão investimentos de R$ 28.370.272,08, sendo 80% financiados pelo Governo do Ceará, através do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), e 20% de contrapartida dos municípios.

Presentes à solenidade, prefeitos também manifestaram a importância do apoio Estadual na execução de obras sociais no interior. “Esse novo CRAS vai nos ajudar muito a melhorar a situação da nossa cidade, da nossa população. O nosso atual é deficiente, tem uma estrutura muito antiga. O Centro de Educação Infantil vai também desafogar nossas escolas primárias; enquanto o projeto musical vai tirar nossos jovens da ociosidade. Somos gratos”, agradece o prefeito de General Sampaio, Chico Cordeiro.

“Essa ação é muito bem-vinda, especialmente para as crianças e adolescentes mais necessitados, como a população de um modo geral. Nós temos apenas um CRAS, que é muito pequeno, e este novo trará mais comodidade para a população e para os profissionais que lá atuam, o que significa maior conforto e mais qualidade de vida para todos”, acrescenta o prefeito de Ibicuitinga, Franzé Carneiro.

IEL Ceará abre inscrições para estágios diversas áreas

Com vagas abertas em diversas áreas de estágio, o Instituto Euvaldo Lodi - IEL Ceará, ligado à FIEC, está com inscrições abertas para estágios em áreas como:

Designer Gráfico
Marketing
Administração
Ciências Contábeis
Engenharia de Produção
Informática
Educação Física
Ciências Econômicas
Técnico em Eletrônica
Engenharia Química.

Para concorrer as vagas disponíveis é necessário realizar um cadastro no site do IEL Ceará. As vagas são para atuar em Fortaleza, Eusébio e Maracanaú.

Encontro discute propostas para a construção civil de pequeno porte

O presidente da Associação dos Construtores do Centro-Sul do Ceará, Marcone Pereira, e o prefeito, Ednaldo Lavor, participaram recentemente em Brasília de um encontro com parlamentares federais. O evento foi promovido pela Câmara Brasileira da Construção Civil.

O objetivo do evento foi reunir parlamentares e empresários da construção civil de pequeno porte em um café da manhã para discutir reivindicações do setor: a liberação de crédito para financiamento de casas e de outras obras.

Cerca de 200 deputados e senadores participaram do evento, além de empresários e lideranças do segmento.

Associação dos Construtores do Centro-Sul do Ceará é filiada à Federação Nacional dos Pequenos Construtores (Fenapc).

Os deputados que integram a bancada cearense, Heitor Freire, Capitão Wagner, Domingos Neto, Ildivan Alencar, Junior Mano, Pedro Augusto Bezerra, e o Senador Eduardo Girão participaram do evento.

O setor da construção civil quer gerar um milhão de empregos ainda neste ano, através da desburocratização e liberação do orçamento já previsto.

Todos os presentes concordaram da urgência em reativar a Frente Parlamentar que defenderá os interesses da construção civil.

Após o encerramento do evento, de forma estrategicamente coordenada, os presidentes das associações filiadas foram, com suas equipes, para os gabinetes dos parlamentares, visitando-os um a um.

A carta aprovada na assembleia, com vários itens que o setor reivindica, além das propostas de ações, foi entregue pessoalmente em cada gabinete.

Diário do Nordeste

Senado Federal votará na próxima semana anistia para PMs do Ceará

Nesta terça-feira (19), o Senado Federal aprovou o requerimento que coloca em regime de urgência a votação do Projeto de Lei (PL) 395/19, que concede anistia aos policiais grevistas do Ceará. A expectativa é que a pauta seja votada já na próxima semana.

De acordo com a proposta, será concedido anistia a todos os agentes punidos entre 2011 a 2018, seja com a expulsão da corporação, ou com outras medidas como redução salarial, perda de patentes e até mesmo as prisões que foram efetuadas.

Ceará recebe Guarany de Sobral de olho em abrir vantagem

O Ceará entra em campo hoje à noite pelo Campeonato Cearense com um objetivo bem definido: abrir vantagem na liderança da 2ª fase, ao receber o Guarany de Sobral, às 20 horas, na Arena Castelão.

Isso porque o Vozão já lidera com seis pontos, mesma pontuação de Ferroviário e Fortaleza, mas com um jogo a menos. Ou seja, se vencer o Cacique do Vale hoje, abrirá distância para os dois rivais.

Já o Guarany de Sobral vem de derrota para o Fortaleza no Junco e com três pontos, precisa pontuar para buscar um lugar no G-4.

Para conquistar o triunfo, o Alvinegro de Porangabuçu jogará com força máxima. Pela programação da comissão técnica, embora tenha atuado com o time titular diante do Vitória no último sábado, a equipe reserva será escalada apenas no dia 24 contra o Barbalha, fora, pela 4ª rodada do Estadual, já que dias depois o Vozão terá como prioridade a Copa do Brasil no dia 27 contra o Foz do Iguaçu fora.

O Vovô será dirigido pelo auxiliar Márcio Hann, já que Lisca, embora vá assistir ao jogo dos camarotes, está no curso da CBF. Em comparação à equipe que empatou com o Vitória, em Salvador, serão duas alterações, com Fabinho no lugar de Edinho e Chico substituindo Vitor Feijão.

Ligados

Pelo regulamento do Estadual, o líder da 2ª fase terá vantagem nas seminais, assim como a pontuação acumulada será critério desempate também na decisão.

Pensando isso, o Ceará espera já abrir vantagem. "Estamos na liderança e podemos abrir em pontuação. Sabemos o quanto é importante terminar na frente nesta fase para ter vantagens. A proposta buscar mais uma vitória", declarou o meia Ricardinho.

Projeto de reforma da Previdência trará socorro aos estados e prevê modelo de contribuição misto

A proposta da reforma da Previdência, que deve ser apresentada hoje (20) pelo presidente Jair Bolsonaro ao Congresso Nacional, conterá um capítulo destinado à ajuda aos estados. Ainda não se tem detalhes sobre essa possível saída de socorro aos entes federados, mas segundo revelou com exclusividade ao Sistema Verdes Mares, Flávio Ataliba, secretário executivo de Planejamento e Orçamento da Secretaria do Planejamento e Gestão do Ceará (Seplag), a previsão é ter um projeto de amparo, principalmente, para as unidades que estão numa situação mais difícil.

"A proposta traz um capítulo sobre os estados", reforçou Ataliba, que esteve, ontem, em Brasília, com o secretário-adjunto da Previdência Social do Ministério da Economia, Leonardo Rolim, discutindo pontos da Reforma.

"O presidente Bolsonaro vai entregar pessoalmente a proposta no Congresso. Nossa discussão é ver quais são os pontos que a reforma pretende também ajudar os estados a saírem dessa situação, porque a questão previdenciária não é só importante para o Governo Federal, mas também tem um impacto profundo na saúde financeira dos estados", reforçou o secretário executivo.

Segundo ele, a reunião com o secretário adjunto do Ministério serviu para tratar dos principais pontos da reforma, uma vez que o governo deve apresentar iniciativas que possam facilitar ou melhorar a situação fiscal dos estados no tocante à questão previdenciária.

Os impactos disso para o Ceará seriam mais no sentido de consolidar o que o governo estadual já vem executando. "A saúde fiscal do Ceará já é boa, mas o que a gente tem é um peso ainda excessivo. O Estado já está em processo de criação da Fundação Social do Estado (Cearaprev), a Previdência Complementar. Só que medidas federais repercutem nos estados. Ajudaria ainda mais o Ceará que está numa situação relativamente sob controle, mas também a gente tem que se preocupar porque a previsão ano a ano é ficarmos com as contas cada vez mais com problemas por conta da Previdência", analisa Flávio Ataliba.

Modelo misto

Segundo ele, além disso, o Governo deve propor a entrada definitiva do regime de capitalização. "Um ponto importante é que há um interesse do Governo Federal de a gente avançar no pilar da capitalização. Um dos pontos é que claramente vai haver uma proposta para aumentar e estimular a previdência das contas individuais capitalizadas. Isso é algo que eles nos avisaram que vai ter. Não vai acabar o sistema de repartição, mas vai ter um misto", confirmou o secretário executivo.

Fragilidade

Na opinião do diretor de Atuação Parlamentar do Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário (IBDP), Diego Cherulli, não há como garantir através da capitalização a estabilidade financeiras dos estados. "Porque se o Estado puder usar o dinheiro capitalizado da Previdência dos cidadãos, a Previdência vai ficar descoberta, numa situação de extrema fragilidade jurídica".

De acordo com ele, essa possibilidade afigura insegurança jurídica dos recursos que serão acumulados para garantir os pagamentos dos benefícios. "Nós já sabíamos que a capitalização viria, mas se for dessa forma, usar esse recurso para ajudar os estados, me preocupa demais porque a capitalização demanda um investimento seguro. Se não for seguro, no fim da vida, a pessoa não vai ter nada. Se o Estado puder mexer e usar esse dinheiro a bel-prazer sem necessidade de recompor, vai gerar instabilidade jurídica", disse, reiterando que não teve acesso ao documento e que por isso trabalha com hipóteses.

Cherulli afirmou ainda que foi dito que o presidente Bolsonaro quer algo bem gradual. "Então vai sim para quem está no sistema agora. A ideia inicial era essa e eu não sei se mudou. Nós temos que ver como vai ser essa transição e se ela realmente vai existir. Se você criar um regime capitalizado a partir de agora, você assassina o regime de repartição simples que existe porque, se eu criar um regime capitalizado, significa que as contribuições vão passar dos trabalhadores ativos. E quem vai pagar o regime que está em vigência? Será que vai ser criada uma segunda contribuição? O Governo vai fazer a gente pagar o que já paga e mais um percentual da capitalização?", questionou.

Sobre a ajuda aos estados, Cherulli disse que existe uma hipótese para oferecer esse socorro. "A ideia seria que a união gerisse o regime geral capitalizado, ou seja, ela iria receber o dinheiro, arrecadar o dinheiro, guardar o dinheiro e investir o dinheiro. Se isso acontecesse, esse caixa pode ser usado para o pagamento do auxílio dos estados. Se fizer isso, não vai ser bom porque você vai estar usando o dinheiro que era para estar guardado e capitalizado. Você empresta para o Estado e ele não vai voltar no mesmo rendimento de um investimento financeiro", acrescentou.

DN Online

Ferroviário/CE estreia na Série C contra o Botafogo/PB, fora de casa

A CBF - Confederação Brasileira de Futebol - divulgou na tarde desta terça-feira (19), a tabela básica da Série C do Campeonato Brasileiro, com as datas, faltando, entretanto, serem definidos os horários. O Ferroviário está no grupo A, onde estão apenas os clubes nordestinos. São eles: Ferroviário, ABC/RN, Náutico/PE, Imperatriz/MA, Globo/RN, Santa Cruz/PE, Treze/PB, Botafogo/PB, Confiança/SE e Sampaio Corrêa/MA.

O Campeonato Brasileiro da Série C terá início no dia 27 de Abril e a sequência inicial dos jogos do Ferrão é a seguinte: Dia 27/04 - Botafogo/PB x Ferroviário; Dia 4/05 - Ferroviário x Santa Cruz/PE; Dia 11/05 - Náutico/PE x Ferroviário; Dia 18/05 - Ferroviário x Globo/RN. O regulamento será o mesmo da Série C de 2018, com fase de grupo, seguida de mata-mata.

Não houve informação sobre algum patrocínio para a competição e a questão do televisionamento também não ficou definida. Na reunião, o Ferroviário foi representado pelo seu vice-presidente, Newton Filho. "A reunião foi boa. Conseguimos ver ponto a ponto do regulamento. A questão dos grupos foi confirmada, ficamos no grupo do Nordeste. Sabíamos que seria uma competição difícil, uma das mais fortes dos últimos anos, por contar com os clubes tradicionais da região. Será difícil, mas o Ferroviário está preparado, seguindo no rumo certo, quem sabe de um acesso", disse o vice Newton Filho, direto do Rio de Janeiro.

Ajudante é morto a tiro durante tentativa de assalto a caminhoneiro no Ceará

Um homem que trabalhava como ajudante de caminhão foi morto por um tiro durante uma tentativa de assalto a um caminhoneiro na Serra do Belém, no município de Independência, na noite desta terça-feira (19).

Segundo a polícia, a vítima foi identificada como Luiz Carlos Pinheiro dos Santos, 34. O caminhão em que ele estava trafegava por uma estrada da região quando homens armados anunciaram o assalto. O condutor do veículo não parou e os suspeitos atiraram. O tiro atravessou o vidro dianteiro do caminhão e atingiu Luiz. Os suspeitos fugiram.

O motorista do caminhão socorreu Luiz Carlos para o Hospital Municipal Coronel João Gomes Coutinho, em Independência. Conforme funcionários da unidade de saúde, ele deu entrada no local por volta das 21 horas, mas já estava sem vida.

DN Online

Governo fatia pacote anticrime em três textos e isola caixa dois

O projeto de lei anticrime elaborado pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, chegou ontem às casas legislativas fatiado em três partes: lei ordinária criminalizando o caixa 2, lei complementar que muda regras de competência da Justiça Eleitoral e um outro texto contendo medidas como a prisão de condenados em segunda instância e regras mais rígidas para a progressão de pena de condenados por crimes violentos e corrupção.

O fatiamento do texto seria estratégico. Por temer derrotas nos plenários da Câmara e do Senado, a proposta de criminalização do caixa 2 foi submetida separadamente. Na avaliação do governo, a resistência de parlamentares à criminalização do caixa 2 colocaria em risco todo o pacote proposto por Moro para combater a corrupção, o crime organizado e a violência nas cidades.

Interlocutores do Planalto no Congresso apontaram, nas discussões internas sobre o projeto, dificuldades para contornar a resistência entre deputados e senadores - parte deles alvo de investigações por doações não contabilizadas em campanhas.

Moro, inclusive, admitiu a versão em entrevista coletiva. "Houve uma reclamação por parte de alguns agentes políticos de que caixa 2 é um crime grave, mas não tem a mesma gravidade que corrupção, que crime organizado e crimes violentos. Então nós acabamos optando por colocar a criminalização (de caixa 2) num projeto à parte".

A declaração contradiz afirmação anterior de Moro, dada em 2017, quando esteve à frente da Lava Jato em Curitiba como juiz federal responsável pelas condenações em primeira instância. Aos alunos da Universidade de Havard, ele afirmou que "a corrupção para financiamento de campanha é pior que para o enriquecimento ilícito".

"Se eu peguei essa propina e coloquei em uma conta na Suíça, isso é um crime, mas esse dinheiro está lá, não está mais fazendo mal a ninguém naquele momento. (...) se eu utilizo para ganhar uma eleição, para trapacear uma eleição, isso para mim é terrível", disse naquele ano.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), contrapôs o ministro. Negou qualquer resistência na Casa para votar o projeto que criminaliza o caixa 2 em campanhas eleitorais. Para ele, o tema "não é problema" no Congresso.

Indagado se a separação poderia ou não facilitar a tramitação do pacote de Moro na Casa, Maia minimizou, afirmando que "tanto faz". "Já votamos em 2016 (caixa 2). É algo que pode ser votado a qualquer momento. Esse assunto não é problema", assegurou.

As propostas podem tramitar em comissões diferentes e ter relatores distintos. Ainda não está definido o trânsito das matérias.

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 32 milhões nesta quarta

O concurso 2.126 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 32 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) desta quarta (20) em Jundiaí (SP).

Para apostar na Mega-Sena
As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Probabilidades
A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

Sefaz não cobrará multas de quem emitir notas no sistema antigo

Após transtornos, a Secretaria da Fazenda do Ceará (Sefaz) decidiu não cobrar multa das empresas que emitiram cupons e notas fiscais impressos no sistema antigo (em papel), mesmo depois da obrigatoriedade do Módulo Fiscal Eletrônico (MFE). A medida será somente para os papéis lançados até o último dia 8, data da publicação do decreto (nº 32.941/19).

Os contribuintes que não estivessem usando o novo equipamento estavam passíveis a pagar o valor total do imposto, conforme prevê a Lei do Imposto sobre Operações relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS) (Lei Nº 12.670/96).

De acordo com a secretária da Fazenda, Fernanda Pacobahyba, a anulação da multa é para equilibrar os transtornos passados. “O sistema estava instável. Reconhecemos a instabilidade e que, muitas vezes, apesar de obrigado a usar o modelo novo, estavam usando o antigo por isso”, explica.

Ocorre que, em 2017, houve uma substituição do procedimento no Ceará, passando da Escrituração Contábil Fiscal (ECF) para o MFE. A mudança, no entanto, provocou lentidão na emissão de notas e causou transtornos aos lojistas, como longas filas nos estabelecimentos. O modelo visa garantir ao órgão o conhecimento das transações com cartão realizadas em tempo real.

No último dia 31 de janeiro, a Sefaz se reuniu com empresários para solucionar o problema. Ficou definida então a prorrogação do prazo para adequação do formato para o comércio. Para o programa do MFE que tinha data de adesão até 31 de julho, são 60 dias a mais. Já o tempo de troca do maquinário sofreu extensão de 18 meses para dois anos.

Fernanda destaca que a convalidação por meio do decreto impede que a auditoria do órgão multe o contribuinte pela infração. A liberação do pagamento vale apenas somente para as notas emitidas até o último dia 8, porque o período considera o tempo em que houve o ajuste técnico para resolver a situação. “A partir do dia 9, se ele ainda estiver emitido o cupom, aí sim, ele tá passível de atuação, não significa que será autuado”, esclarece.

Para Honório Pinheiro, os problemas foram resolvidos. “O compromisso que a Sefaz assumiu, ela cumpriu”, avalia. Ele lembra que um software para liberar o fluxo e evitar a lentidão na emissão de notas será instalado na próxima semana. “Isso ajudará a ter mais velocidade”, complementa.

Força Nacional deixa o Ceará no dia 3 de março, avisa o general Theophilo

O secretário nacional da Segurança Pública, general Guilherme Theophilo, anuncia: o Ceará não precisa mais da presença da Força Nacional e, por isso, esse contingente nada mais tem o que fazer no Estado, pois o cenário das facções criminosas, diz ele, já está sob controle.

“Conforme contrato que fizemos com o governador, nós íamos passar 30 dias e iríamos fazer uma desmobilização progressiva. É o que está acontecendo. Já tiramos 200 PMs no dia 3 de fevereiro e no dia 3 de março vamos tirar o restante, que são 220 PMs”, informou o general para a coluna.

Ele disse que esse grupo está sendo deslocado agora para o estado do Pará e que outro grupo ajuda nas ações de transferência de líderes de facções. Theophilo deixou claro que o Estado não precisa mais da presença da Força Nacional, até porque “em janeiro houve o menor número de homicídios dos últimos anos”.

A decisão é corroborada pelo Centro Integrado de Inteligência Regional que indicou não ser mais necessário a presença desse reforço no Estado. Camilo Santana (PT) queria prorrogar por mais 30 dias.

Blog do Eliomar

terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

Ruth Alves Oliveira reage bem a medicação e tem quadro clínico favorável

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, em pé e shorts
O blog continua acompanhando o quadro clínico da jovem Ruth Alves Oliveira, 17 anos, vítima de acidente de trânsito, em Acopiara, fato ocorrido no último final de semana no Município. A última informação, obtida há poucos instantes, aponta para um quadro de evolução extremamente positivo.

Ruth teria respondido aos estímulos médicos, ou seja, reagiu bem a medicação. A equipe que a atende aguarda as próximas horas para decidir a possibilidade de procedimentos cirúrgicos ou não, já que a garota sofreu traumatismo craniano. Ela se encontra internada num leito de UTI, no Hospital Regional do Cariri, sem previsão de alta. 

Os familiares e amigos utilizam as redes sociais para orar objetivando a plena recuperação da jovem. Você pode deixa sua mensagem aqui.

Central de Registro Imobiliário do Ceará (Cerice) inicia treinamentos. Dóia Ferreira de Acopiara entre os participantes do evento

foto1-mesa
Com expectativa para começar a funcionar para o público externo em março, a Central de Registro Imobiliário do Ceará (Cerice) já iniciou seus treinamentos para a integração dos cartórios ao Sistema. No último sábado, dia 16 de março, com lotação esgotada, mais de 120 pessoas estiveram no auditório da sede das entidades de classe (Rua Walter Bezerra Sá, 55 – Dionísio Torres) para um treinamento voltado aos cartórios do interior.

Antes, os cartórios da capital e da região metropolitana já tinham passado por esse processo de familiaridade com o sistema. Devido a grande procura, será realizado outro treinamento para os cartórios do interior na sede das entidades, dia 9 de março. Há também uma previsão de que no final de março ocorra outro treinamento destinado ao interior, dessa vez em um evento em Sobral.

foto-2-auditorioApós a edição do Provimento nº 03/CGJCE/2019, que instituiu a Cerice, Helena Borges, presidente da Associação dos Notários e Registradores do Estado do Ceará (Anoreg-CE), afirma que o esforço agora é de fazer a integração no Sistema. “A Central é uma luta antiga, estamos muito felizes em começar o ano com essa conquista. Com a CERICE já instituída, nosso foco é trabalhar para que os colegas da especialidade de Registro Imobiliário tirem suas dúvidas, façam a integração com a Central e logo em breve estaremos disponibilizando os nossos serviços para a população”, afirma Helena.

Facilidade de acesso aos Cartórios

Para Cláudia Cavalcante, do Ofício Único de Quiterianópolis, a Central vai facilitar a vida das pessoas que tenham imóveis em todo o Ceará pela possibilidade de requerer os serviços pela internet. Cláudia também fala sobre a melhoria na rotatividade financeira dos cartórios, inclusive do interior. Ela aponta as demandas: “Minha cidade é pequena e muitas pessoas moram em cidades maiores mas têm imóveis lá, com isso elas precisam solicitar documentação para inventários, operações em bancos etc. Isso vai ser facilitado com a Central”, fala ao lembrar que a Cerice amplia o acesso aos cartórios.

foto3-doia
A posição de Dóia Ferreira, do 3o. Ofício de Acopiara, é também a de salientar a facilidade que a Central representa. “A expectativa é muito boa porque há facilidade para o usuário não só do município ou da capital mas do país vai ter em solicitar a documentação de registro do imóvel como também diversas certidões, buscas etc.”, afirma ao esclarecer que a Central também vai implicar em um passo para a modernização dos cartórios que naturalmente vão diminuir seu acervo em papel.

Foco na integração

Miguel Jefferson, responsável técnico pela Cerice, lembra que antes mesmo da reunião do dia 16, outros dois encontros já tinham ocorrido com cartórios da capital e região metropolitana. Foi uma etapa de tira dúvidas, conversa sobre algumas adequações. O treinamento com o interior dá segmento a essa etapa interna de integração ao sistema.

O esforço da Anoreg-CE agora é responder todos os questionamentos, estar a disposição para que os cartórios entrem no sistema, o que é tecnicamente chamado de integração. A partir de então, os outros passos para o uso pleno do sistema, digitalização de documentos e outras rotinas podem ser feitos.
foto4-miguel-atendimento
Helena Borges reafirma a importância dessa etapa de ingresso no Sistema: “Só após a integração dos cartórios, quando os mesmos já estiverem atuando dentro da plataforma da CERICE e conhecerem bem o ambiente, é que será possível os registradores tirarem todas as suas dúvidas. Isso nos ajuda a também mais rapidamente disponibilizar os serviços da Central para a população. Estamos focados nesse apoio aos cartórios para garantir a integração de todos no sistema da Cerice”.

Um manual técnico para integração entre o sistema interno do cartório e a Central está sendo preparado pela equipe técnica da Cerice. A expectativa é que ele seja divulgado no final de fevereiro.

Fonte: http://www.anoregce.org.br

'Eu resolvi um colapso', diz Mauro Albuquerque sobre presídios

O secretário de Administração Penitenciária do Ceará, Luís Mauro Albuquerque, afirmou na manhã desta terça-feira (19), que resolveu o colapso que existia dentro do sistema penitenciário do Estado. Ele se defendeu das acusações de que havia criado um colapso na segurança pública. O secretário defende que começou a trazer ordem ao enfrentar o problema da insegurança e desorganização dentro dos presídios.

Mauro Albuquerque foi o pivô da onda de ataques criminosos no Ceará, iniciados em janeiro deste ano, de acordo com o secretário da Segurança Pública do Ceará, André Costa. Desde o dia 2 daquele mês até o dia 4 de fevereiro, ocorreram 261 ataques em 50 dos 184 municípios cearenses. "Só a indicação dele já causou essa reação dos criminosos. O Governo do Estado do Ceará já conhecia o trabalho do secretário no Rio Grande do Norte. Obviamente também a criminalidade já conhecia já que é um estado vizinho e próximo", afirmou Costa.

Áudios compartilhados entre membros de facções do Ceará revelaram que as ordens para as ações contra ônibus, prefeituras e prédios públicos partiram de presidiários. De acordo com informações mais recentes da Secretaria da Segurança Pública do Ceará, 461 suspeitos foram detidos.

Operação localiza postos com gasolina adulterada

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) está investigando adulteração e manipulação de combustíveis vendidos nos postos de gasolina nas cidades de Apuiarés, General Sampaio e Pentecoste, no Ceará.

A investigação faz parte da operação “De Olho no Tanque”, realizada em conjunto com o Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Decon) e a Secretaria da Fazenda do Ceará (Sefaz).

Ao todo, foram fiscalizados nove postos, sendo cinco em Pentecoste, três em Apuiarés e um em General Sampaio.

Bombas no município de Apuiarés foram lacradas e restou identificada a prática de sonegação de impostos no município de Pentecoste. Também foi verificada a qualidade dos combustíveis nas três cidades.

Além de investigar possíveis adulterações, os agentes avaliaram a manipulação referente à diferença entre a quantidade vendida e o volume de gasolina, diesel e álcool adquirido pelos consumidores nos postos.

Ceará tem 81 casos de dengue confirmados em 2019

O número de casos de dengue confirmados no Ceará chega a 81, segundo boletim divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa) nesta terça-feira (19). No total, 859 casos suspeitos foram notificados.

Três dos casos analisados estão sob suspeita de dengue com sinais de alarme, ocorridos nas cidades de Fortaleza, Irauçuba e Russas. Uma morte suspeita de dengue grave está sob investigação.

Os números representam uma baixa em relação ao mesmo período do ano passado. Até a sexta semana de 2018, 428 pacientes foram diagnosticados com a doença, com 1.630 notificados. Duas pessoas morreram naquele período.

Segundo a Sesa, a taxa de incidência de casos de dengue é abaixo da média esperada, sinalizando um cenário de baixa transmissão.

Chikungunya

As taxas de chikungunya nas seis primeiras semanas de 2019 também sofreram uma queda na comparação com 2018. Até o momento, foram 175 casos notificados, com 17 confirmados. Do total, 55 foram descartados.

Em 2018, no mesmo período, um total de 809 pacientes foram diagnosticados com os sintomas, enquanto 252 tiveram a infecção confirmada.

Zika

Até o momento, o ano de 2019 não tem nenhum paciente confirmado com diagnóstico de zika no Ceará, embora haja três notificações, nos municípios de Capistrano, Crato e Sobral. Em 2018, até a sexta semana do ano, foram confirmados 9 casos e 75 notificações. A redução do número de notificações foi de 96%, na comparação entre os dois anos.

A Secretaria da Saúde lembra que evitar o acúmulo de água em recipientes abertos é a principal maneira de impedir a reprodução do mosquito Aedes aegypti, transmissor de arboviroses como dengue, zika e chikungunya.

Diário do Nordeste

Prefeito de Acopiara proíbe circulação do transporte de pacientes para Iguatu

O prefeito de Acopiara, conhecido como prefeito carnavalesco ou Joãozinho 30 proibiu o ônibus da Policlínica de transportar os pacientes que precisam realizar exames médicos especializados em Iguatu. Por exemplo, amanhã o veículo não circula sob hipótese nenhuma. 

O motivo seria a falta de combustível e de pneus do veículo. Os pacientes que quiserem realizar seus exames devem custear suas despesas com passagens ou outro ripo de condução. 

Uma fonte ligada a Prefeitura relatou para o blog que a ordem da administração de Acopiara é penalizar os pacientes por conta das críticas direcionadas a saúde do Município.

Enquanto isso, Joãozinho 30, prefeito de Acopiara está preocupado com os lucros que o cantor Wesley Safadão vai deixar no carnaval 2019. 

Militar suspeito de pedofilia é espancado por pai que fingiu ser adolescente no Ceará

O pai de um adolescente de 12 anos se passou pelo filho e marcou encontro com um militar da reserva, de 55 anos, suspeito de pedofilia e de assediar o garoto pelas redes sociais. O encontro ocorreu na manhã desta terça-feira (19), na casa do adolescente, no Bairro de Fátima, em Fortaleza. Ao comparecer ao local e encontrar o pai do garoto, o suspeito foi espancado pelo pai e por vizinhos, e preso em seguida. O caso é investigado pela Delegacia de Combate à Exploração da Criança e Adolescente (Dceca).

O militar vai responder pelo crime de armazenar material pornográfico envolvendo crianças ou adolescentes. O fato de o pai ter se passado pelo menino impossibilitou que o suspeito fosse enquadrado também por aliciamento e assédio, segundo explicou a polícia.


Redes sociais

O suspeito teve o primeiro contato com o adolescente pelo Facebook, neste domingo (17). Ao estranhar a conversa, o garoto mostrou para o pai que, se passando pelo filho, marcou encontro com o suspeito de pedofilia pelo WhatsApp, na manhã desta terça-feira (19), na própria casa.

Nas conversas, o homem fazia pedidos, como fotos das partes íntimas do menino, vídeos, e também chegou a enviar imagens de relações sexuais com menores de idade, segundo a polícia. No aparelho celular do militar foi constatada presença de material pornográfico infantil.

Áudios derrubam versão de Bolsonaro sobre conversa com Bebianno

O presidente Jair Bolsonaro conversou com o ex-ministro da Secretaria-Geral Gustavo Bebianno pelo aplicativo de mensagens Whatsapp três vezes no dia 12 de fevereiro, um dia antes de sua alta médica no hospital Albert Einstein, na capital paulista. Os áudios das conversas entre os dois, divulgados pela revista Veja, confrontam a versão do presidente de que ele não havia falado naquele dia com o então auxiliar. As gravações mostram ainda que ambos conversaram também sobre o esquema de candidaturas laranjas do PSL.

No diálogo sobre o escândalo, o presidente faz referência à denúncia de que uma candidata laranja em Pernambuco recebeu do partido R$ 400 mil de dinheiro público na eleição do ano passado. Bolsonaro afirma que querem "empurrar essa batata quente" em seu colo.

"Querer empurrar essa batata quente desse dinheiro lá pra candidata em Pernambuco pro meu colo, aí não vai dar certo. Aí é desonestidade e falta de caráter. Agora, todas as notas pregadas nesse sentido foram nesse sentido exatamente, então a Polícia Federal vai entrar no circuito, já entrou no circuito, pra apurar a verdade. Tudo bem, vamos ver daí... Quem deve paga, tá certo? Eu sei que você é dessa linha minha aí. Um abraço", disse.

Em entrevista ao jornal O Globo, Bebianno disse na semana passada que havia conversado três vezes com o presidente. No dia seguinte, no entanto, o vereador Carlos Bolsonaro (PSL-RJ) disse que o então ministro havia mentido, o que foi chancelado pelo presidente, em entrevista a um canal de TV.

Durante a troca de mensagens, revelada nos áudios, Bebianno envia ao presidente uma nota publicada pelo site O Antagonista, que informa a viagem de Bebianno e mais dois ministros para o Pará - Ricardo Salles, do Ministro do Meio Ambiente, e Damares Alves, da Mulher, Família e Direitos Humanos, com o intuito de discutir projetos para a Amazônia.

Bolsonaro reclama: “Ô, Bebianno. Essa missão não vai ser realizada. Conversei com o Ricardo Salles. Ele tava chateado que tinha muita coisa para fazer e está entendendo como missão minha. Conversei com a Damares. A mesma coisa. Agora: eu não quero que vocês viajem porque… Vocês criam a expectativa de uma obra. Daí vai ficar o povo todo me cobrando. Isso pode ser feito quando nós acharmos que vai ter recurso, o orçamento é nosso, vai ser aprovado etc. Então essa viagem não se realizará, tá OK? Um abraço aí, Gustavo!”

Bolsonaro diz no áudio que trocar mensagens de WhatsApp não se configura como "falar": “Eu sabia qual era a intenção, era exatamente dizer que conversou comigo e que está tudo muito bem, então faz o favor, ou você restabelece a verdade ou não tem conversa a partir daqui pra frente.”

O conteúdo dos áudios revela os bastidores da saída de Bebianno do Governo. A oposição quer convidá-lo para prestar esclarecimentos no Senado. Já parlamentares do partido do presidente, como a deputada federal Joice Hasselmann (SP), teme que o ex-ministro faça alguma retaliação contra o Governo.

Diário do Nordeste

‘Faxinaço’ na Vila Antonico em Quixelô (CE) busca reduzir focos do mosquito Aedys aegypti

O ‘Faxinaço’ realizado na Vila Antonico nesta terça-feira (19), teve a participação dos agentes de endemias, da equipe de manutenção e da Secretaria de Infraestrutura, com apoio da vereadora Loura Araújo. 

O objetivo era eliminar os focos do mosquito da dengue e recolher o lixo que poderia acumular água.

Com essa ação a equipe espera reduzir os riscos de contaminação provocados pelo mosquito Aedes aegypti, que provocam doenças como Dengue, Zika e Chikungunya .

Paulo Preto guardava R$ 100 milhões em bunker, disse delator à Lava Jato

Alvo de prisão pela Operação Lava Jato nesta terça-feira (19), o ex-diretor da Dersa Paulo Vieira de Souza, o Paulo Preto, é suspeito de manter um bunker para guardar dinheiro em espécie, onde manteria cerca de R$ 100 milhões.

O relato sobre o bunker foi feito à Lava Jato pelo empresário Adir Assad, que operava propina para a empreiteira Odebrecht e fez acordo de delação premiada com a força-tarefa. Assad teria visitado o local diversas vezes.

Sua delação foi um dos elementos usados para deflagrar a operação desta terça-feira.

A Lava Jato investiga o papel de operador financeiro de Paulo Preto em favor da Odebrecht, fornecendo dinheiro em espécie para o pagamento de propinas pela empresa.

Ainda segundo o delator, esse bunker, um quarto em um apartamento mantido pelo operador, era tão cheio de dinheiro que ele eventualmente colocava as notas ao sol, para que não mofassem.

A informação foi revelada durante entrevista à imprensa nesta terça, pelo procurador da República Roberson Pozzobon.

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (19) mais uma fase da Operação Lava Jato e prendeu Paulo Preto. Batizada de Ad Infinitum, a fase da operação também cumpre mandados de busca e apreensão em endereços ligados ao ex-senador e ex-chanceler Aloysio Nunes (PSDB). Aloysio atualmente é presidente da estatal Investe SP, cargo de primeiro escalão da gestão do governador João Doria (PSDB).

A Procuradoria acusa Paulo Preto de ter movimentado pelo menos R$ 130 milhões em contas na Suíça, entre 2007 e 2017.

Em uma dessas contas, segundo a Procuradoria, foi emitido um cartão de crédito em favor do ex-senador Aloysio Nunes, em dezembro de 2007 -que teria sido entregue a ele num hotel em Barcelona, na Espanha.

Na época, Aloysio era secretário da Casa Civil do Governo de São Paulo, na gestão de José Serra (PSDB). O cartão foi emitido na semana entre o Natal e o Ano Novo.

As investigações são baseadas em informações e documentos colhidos no sistema de propinas da empreiteira Odebrecht. Paulo Preto é acusado de ter operado em favor da empreiteira, disponibilizando valores em espécie ao setor que comandava o pagamento de propinas.

Mas o ex-diretor da Dersa, segundo os investigadores, também recebeu valores em suas contas na Suíça das empreiteiras Andrade Gutierrez e Camargo Corrêa, igualmente investigadas na Lava Jato. Essas contas foram encerradas no primeiro trimestre de 2017, depois de o acordo da Odebrecht ter se tornado público. Em seguida, os valores foram transferidos para contas nas Bahamas.

Para o procurador da República Júlio Noronha, ainda há "várias caixas-pretas que precisam ser abertas" pela Lava Jato.

O ex-diretor da Dersa já é alvo de investigação pela Lava Jato em São Paulo, que apura desvios em obras rodoviárias no estado. Mas, segundo os procuradores de Curitiba, sua atuação no governo paulista não é alvo da investigação desta terça, que se concentra em seu papel de operador da Odebrecht.

Os procuradores argumentam que os repasses de Paulo Preto à Odebrecht foram imediatamente anteriores a pagamentos de propina para ex-diretores e gerentes da Petrobras, como Paulo Roberto Costa, Roberto Gonçalves e Pedro Barusco. Aí estaria o vínculo com a Lava Jato de Curitiba, a quem cabe apurar desvios na estatal de petróleo.

O ex-senador Aloysio Nunes, por sua vez, já foi alvo de um inquérito no STF (Supremo Tribunal Federal) que apurava doações irregulares à sua campanha ao Senado, em 2010. Mas a investigação foi arquivada no fim do ano passado, por falta de indícios mínimos de autoria ou materialidade.

Diário do Nordeste

Durante curso para técnicos na CBF, participantes cantam: 'Lisca Doido é Ceará'

O técnico Lisca, do Ceará, está no Rio de Janeiro, onde participa do curso para treinadores, oferecido pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Durante as aulas, o treinador do Alvinegro puxou o canto que já faz parte do seu repertório nos jogos do Alvinegro de Porangabuçu e contagiou os participantes.

Justiça determina prisão preventiva de acusado de espancar empresária

A Justiça do Rio de Janeiro converteu em prisão preventiva a prisão em flagrante de Vinícius Batista Serra, acusado de ter espancado a paisagista e empresária Elaine Peres Caparroz, no apartamento dela, na Barra da Tijuca. O caso foi registrado na 16ª Delegacia de Polícia (Barra da Tijuca) como tentativa de feminicídio.

A decisão foi do juiz Alex Quaresma Ravache, em audiência de custódia realizada na segunda-feira (18). O magistrado determinou ainda que Vinicius seja encaminhado para avaliação médica psiquiátrica.

Carga de mais 5 milhões de cigarros importados é aprendida pela PRF em Russas (CE)

Uma carga com mais de 5 milhões de unidades de cigarros importados foi apreendida pela pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na madrugada desta terça-feira (19), na cidade de Russas, no Vale do Jaguaribe. O caminhão onde estava o produto foi encontrado abandonado no Km 427 da BR-116.

Após vistorias, os agentes descobriram, embaixo de uma lona, 537 caixas de cigarros. Segundo a PRF, cada caixa continha 10 mil unidades, totalizando 5.370.000 cigarros.

Ainda conforme a PRF, o condutor do veículo não foi encontrado. O caso foi encaminhado à Polícia Civil para mais investigações.

A operação foi realizada em parceria com a Secretaria da Fazenda do Estado do Ceará (Sefaz).

DN Online

Deixe sua mensagem no link abaixo. Deus no comando!


Visite a página, curta e deixe a sua mensagem de fé, em prol da recuperação da saúde da jovem Ruth Alves. https://www.facebook.com/jornalismodequalidade/

Reformas de escolas: Programa Recupera Já começa a dá resultados em Iguatu

O programa Recupera Já, criado pela Prefeitura de Iguatu vai reformar 46 unidade escolas da rede municipal de ensino. As quatro primeiras unidades já começaram a receber os benefícios,  EEF Luís Vieira da Mota (Vila Varjota), CEI – Sonho Infantil (Barreira dos Constantinos), EEF Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (Bairro Prado) e EEF José Cardoso de Araújo, na vila Aroeira, no distrito de Alencar. 
Na manhã de hoje 919), o prefeito Ednaldo Lavou visitou e acompanhou a conclusão dos trabalhos de reforma da escola Luís Vieira da Mota, da vila Varjota. "Conversei com profissionais da educação e alunos a respeito do trabalho executado. Percebemos que a comunidade está satisfeita com o benefício. A nossa meta é recuperar 46 escolas pertencentes a rede municipal de ensino", frisou o prefeito. 
O programa “Recupera Já” visa realizar reparos em telhados, manutenções elétricas e hidráulicas, acessibilidade, pinturas, entre outros benefícios.