Ao vivo, II Grande Vaquejada do Parque Manuel Camilo em Acopiara (CE)

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Lula chega ao Ceará e pede que militância 'não se acovarde'

O ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva chegou ao Ceará por volta das 10h desta quarta-feira (21). Ele foi recebido pelo governador Camilo Santana e ovacionado por uma multidão que foi ao aeroporto de Juazeiro do Norte. Lá, Lula conclamou a militância a “não se acovardar” diante dos ataques que o Partido dos Trabalhadores (PT) vem sofrendo e falou que é vítima de "perseguição".

A vinda de Lula ao Estado se dá um dia após o juiz Sérgio Moro aceitar a denúncia do Ministério Público Federal (MPF) contra ele, a ex-primeira-dama Marisa Letícia e outras seis pessoas.

> Lula vira réu e vai ser julgado por Sergio Moro

Contudo, os discurso foi breve, pois o ex-presidente estava rouco devido a um problema na garganta. Em seguida, ele e Camilo foram para Barbalha, onde Lula participou de um ato em apoio ao candidato à prefeitura daquele município, Fernando Santana (PT).

No palanque, Lula se defendeu das acusações. "No dia que acharem um real na minha vida, que não for meu, eu não serei mais nada nessa vida", disse. O líder do PT criticou ainda a ação de alguns nomes da Operação da Lava-Jato: "Eu estou ofendido e magoado. Ofendido porque eu nunca imaginei que aos 71 anos de idade, estaria tendo a vida futucada por uns meninos do MPF", afirmou.

Em seguida, Lula irá a Iguatu, onde também fará um apoio à candidatura Ednaldo Lavor (PDT). Ele também receberá o título de doutor honoris causa da Universidade Federal do Cariri.

No fim da tarde, Lula virá á Capital participar de uma concentração em favor da campanha de Luizianne Lins, que está hoje em terceiro lugar na corrida eleitoral, de acordo com a pesquisa Ibope do último dia 14.

DN Online

Nenhum comentário: