quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Artigo: Em Busca das Raízes

Meu nome é Fernando Antonio Ferreira Lima, neto do Sr.Vicente Ferreira Lima na época proprietário da localidade Poço Redondo, Acopiara onde além de lavouras de algodão, banana, cana ... tinha também rebanho de cabras, gado e pelo menos um açude. Era casado com D. Vicência e tiveram apenas dois filhos : José Ferreira Lima (já falecido) e meu pai Antonio Ferreira Lima nascido em 14/12/1930 hoje com 85 anos, morando há mais de 40 anos em Santa Catarina e há mais de 50 anos sem retornar a sua cidade Natal. Meu avó foi covardemente assassinado em meados da década de 60 pelas costas com 2 tiros no momento em que se encaminhava a delegacia junto com seu desafeto para acertar uma questão de dívida relacionada a venda de algodão que meu avô teria feito. Tanto meu tio (mais velho 2 ou 3 anos) e ,meu pai saíram muito cedo de Acopiara para seguir carreira militar na Marinha. Pode-se dizer que meu pai, na história da Marinha tenha sido o único a entrar na Corporação pela Escola de Aprendizes de Marinheiros do CE e tendo recém passado para o posto de Cabo, prestou concurso (na época havia a possibilidade e vaga - hoje não mais) para Oficial e passou em 1. lugar, chegando ao mais alto posto possível : Capitão-de-Mar-e-Guerra. Na época ele estava servindo em Natal (onde nasci) e logo em seguida tendo em vista sua promoção foi transferido para o I Distrito Naval no Rio de Janeiro. Ficando por 14 anos até ser transferido para Santa Catarina por 2 anos e de volta ao Rio. Serviu por mais um ano e cumpriu meu tempo e tendo chegado no seu posto máximo sendo oriundo da EAMCE, solicitou seu ingresso na Reserva e sediou residencia até hoje em Florianópolis SC.
Até aos 4 anos eu era filho único e uma vez no ano visitava meus avós tanto em Natal como em Acopiara. Mas era Acopiara que me fascinava um local enorne (eu morava um pequeno apto no Rio) - eu tinha um "burrico" manso que me levava pra passear, uma cabra escolhida para ser minha "fornecedora" de leite ... apenas na companhia dos meus pais ou meus avos eu chegava na borda do açude. Apesar de não ter sido criado nem em Acopiara nem em Natal eu me orgulho de ser o único Ferreira Lima daquela célular familiar nascido no Nordeste. Sou adotado por Santa Catarina mas me orgulho em dizer que sou Nordestino. Gostaria de enquanto for possivel levar ao meu velho mas forte pai de 85 anos, algum resgate possivel da sua Terra Natal.
No artigo que postei na minha fãpage coloquei um link em que vários pesquisadores relatam a Colonização Portuguesa no Nordeste. Parte desta colonização foi feita pela vinda da Familia Ferreira Lima para o litoral e sertão do Ceará (mais em tornos dos rios da região - incluindo o Jaguaribe. O relato deste documento chega a mencionar que os Ferreira Lima seriam cristão-novos (necessário a leitura do documento para entender melhor) ou seja de origem judaica. A partir da Vinda da Familia Real Portuguesa para o Brasil em 1808. Para evitar perseguições relacionadas a Inquisição,houve uma maior migração da Familia Ferreira Lima (sediada no litoral) para o Interior do Ceara - numa regiao que hoje coincide com Acopiara, Ico, Iguatu etc ...

ps: A carreira militar do meu tio também foi ao máximo dentro da sua especialidade e origem (EAMCE). Serviu durante todo tempo embarcado num submarino tendo partido para a 2 Guerra Mundial mas por sorte um ou dois dias depois a Guerra teria acabado. Posteriormente fez diversas missoes junto com a Marinha Americana e pode-se dizer que ficou muito pouco tempo em Terra Firme .... sempre em missão no mar.
Sub-Oficial José Ferreira Lima - Saudades

Atenciosamente
Agradeço algum contato e Parabéns pelo Blog

Fernando Antonio Ferreira Lima (57 anos)
C.I. SSI/SC 1.762.250
cel tim 041 48 9996-5153

Coloquei um post no facebook e Impulsionei em Acopiara e Região (Em Busca das Raizes ...)
Documento sobre Colonizacao Portuguesa no Nordeste/CE www.lagunaweb.net/ferreiralima.pdf
Postar um comentário