TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

sexta-feira, 13 de julho de 2018

“Não apenas querem me manter preso, eles querem me calar”, diz Lula durante visita de ex-ministros

Após ter sido impedido de participar de atos de pré-campanha e de conceder entrevistas de dentro da prisão, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva reclamou de ser silenciado pela justiça.

A reclamação foi feita para os ex-ministros Franklin Martins e Celso Amorim, que visitaram o petista nesta quinta-feira (12), na superintendência da Polícia Federal em Curitiba.

Os ex-ministros falaram com jornalistas na porta da PF. Franklin Martins, que comandou a Secretaria de Comunicação, disse que o petista está bem e tranquilo, mas indignado com a situação do país e com o Judiciário: “o presidente Lula falou algo que achei importante. ‘Eles não apenas querem me manter preso, eles querem me calar. Impedir de eu falar e impedir que o povo ouça o que eu falo. Eles estão enganados se acham que com isso vão derrotar as ideias”.

Sobre a batalha jurídica do último domingo envolvendo o pedido de soltura do petista, feito pelo desembargador do TRF4, Rogério Favreto, e as negativas do juiz Sérgio Moro e do próprio TRF4, Celso Amorim disse que o ex-presidente tratou o episódio com muita tranquilidade.

O ex-chanceler afirmou que o petista está convencido da inocência e que teria dito que não trocaria dignidade por liberdade.

O ex-presidente Lula está preso desde o dia 7 de abril pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro pelo caso do triplex do Guarujá.

Nenhum comentário: