TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

sábado, 26 de maio de 2018

Ciro critica Temer e defende que presidente da Petrobras seja demitido

Diante da greve de caminhoneiros e da crise de abastecimento no País, o pré-candidato à Presidência da República, Ciro Gomes (PDT), atacou o presidente Michel Temer e o presidente da Petrobras, Pedro Parente, responsabilizando a política de preços da estatal pela situação que levou ao bloqueio de rodovias no Brasil.

Ele defendeu a demissão de Parente da empresa e uma mudança nas regras atuais que reajustam o preço dos combustíveis com base no câmbio e nos preços internacionais.

“Política de preços no Brasil é uma fraude. A política do Pedro Parente e do Michel Temer é uma fraude que basicamente fez uma Nação inteira refém, uma economia inteira refém para beneficiar meia dúzia de acionistas minoritários”, comentou Ciro, após participar de um almoço com empresários do Instituto Desenvolvimento para o Varejo (IDV), na capital paulista.

Para Ciro, o uso das Forças Armadas, anunciado pelo governo, mostra que está “tudo errado” na condução da crise. Ele acrescentou que a “predisposição do povo ao autoritarismo” agrava a situação.

Exame

Nenhum comentário: