TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

quinta-feira, 26 de abril de 2018

Deputado José Guimarães cobra ações do STF

O deputado federal José Guimarães (PT-CE), líder da minoria na Câmara Federal, destaca a correção da decisão da segunda turma do Supremo Tribunal Federal de retirar do foro de Curitiba o processo contra o presidente Lula, que envolve supostas denúncias de reformas em um sítio de Atibaia que não pertence sequer, ao ex-presidente.

"O Supremo tomou uma decisão que restaura o rito constitucional de quaisquer processos. Curitiba não pode ser o foco do mundo, o centro do mundo e nem a corte suprema do Brasil. Cada qual em seu cada qual. Tem processos que estão lá e nesse caso, foi uma decisão correta. Eu acho que o supremo, a segunda turma do supremo tomou a decisão correta.... como deveria ter sido também a história do triplex. Porque não era para o juiz de Curitiba. Era para um juiz da justiça federal de São Paulo", afirmou o deputado José Guimarães, em entrevista coletiva no final da manhã de hoje.

Guimarães também cobrou que o STF restaure a ordem democrática, na condição de uma corte suprema que deve fazer cumprir a Constituição do Brasil. "De qualquer maneira eu acho que o supremo pode sim estar cumprindo seu papel importante, independente de decisão de um ou de outro, mas eu acho que o supremo precisa, urgentemente, restaurar a ordem democrática, como corte suprema decidir à luz da Constituição, não à luz daquilo que a mídia quer ou que partido A ou partido B quer. Tem que analisar, é para isso que existe suprema corte, defender, olhar, vigiar e aplicar a Constituição"completou o parlamentar.

Guimarães também afirmou na coletiva, que a única saída do Brasil para superar a grave econômica provocada pelo golpe de 2016 é se reencontrar com o povo e ter eleições. O Brasil só tem uma saída. É se reencontrar com o povo e eleger o próximo presidente da República. Esse governo não tem, não adianta, não faz mais nada. O supra sumo da economia, o homem que ia resolver o problema da economia brasileira, o Meireles, taí, saiu, o crescimento está ladeira abaixo, o deficit fiscal aumentando, os investimentos diminuindo. Que País é esse? A crise é de grandes proporções. Eles tiraram a Dilma dizendo que iam recuperar o País, vão recuperar coisa nenhuma".

Brasil 247 Ceará 

Nenhum comentário: