TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Sindicato dos Professores de Acopiara publica nota de esclarecimento e indagações

A imagem pode conter: 2 pessoas, close-up
ATENÇÃO PROFESSORES E POPULAÇÃO DE ACOPIARA!!!
“O QUE ESTÁ SENDO DIVULGADO NÃO ESTÁ DE ACORDO COM O QUE DIZ A LEI”.

“A verdadeira medida de um homem não se vê na forma como se comporta em momentos de conforto e convivência, mas em como se mantêm em tempos de controvérsia e desafio.” (Martin Luther King).

É com esta frase desse grande líder negro americano que queremos trazer a público as últimas informações sobre a exaustiva história do PRECATÓRIO DO FUNDEF DE ACOPIARA e fazer com que VOCÊ PROFESSOR “PRINCIPAL INTERESSADO” REFLITA, ABRA O OLHO, OS OUVIDOS, ARREGACE AS MANGAS E LUTE COM TODAS AS FORÇAS PARA RECEBER O QUE É SEU POR DIREITO.

No ultimo dia 27 de outubro de 2017, o presidente do Sindicato dos Professores da Rede Municipal de Acopiara – SINDIPREMA, professor Idalmi Pinho Guilherme esteve em Fortaleza visitando a sede do Tribunal de Contas do Estado - TCE (JÁ QUE O OUTRO SINDICATO NÃO FAZ NADA) para verificar a veracidade de uma suposta petição da Prefeitura Municipal de Acopiara onde, de acordo com a postagem do assessor de comunicação e blogueiro Wilson Filho, o prefeito de Acopiara não apresenta no texto da matéria nada de novo ou de concreto. No entanto insiste em dizer que já cumpriu com todos os prazos e que já apresentou inclusive plano de investimento. VALE LEMBRAR A TODOS QUE, CONFORME A TAL POSTAGEM, SE REFERE AQUELE PROJETO ONDE O PREFEITO QUER “MORDER INDEVIDAMENTE” OS 15 MILHÕES! Por que esse é e continua sendo o entendimento do prefeito.

Embora o mesmo diga que vem lutando mês a mês para desbloquear, há mais uma contradição, visto que, se olhar os documentos em anexo, a única movimentação da Prefeitura é datada de 26/06/2017 (quando o mesmo apresentou o tal projeto) e a última movimentação desse processo se deu em 26/09/2017 depois da visita do SINDIPREMA ao TCE (Protocolo Geral nº. 201707371 de 25/09/2017). 

Nesse “meio tempo” o que acorreu foram vários pedidos de vistas do Conselheiro/auditor Ernesto Saboia de Figueiredo Júnior POR PERCEBER IRREGULARIDADES NO TAL PROJETO QUE TODOS JÁ CONHECEM POR CONTA DE UMA PANFLETAGEM QUE FOI PUBLICADA PELO SINDIPREMA.

SABEM POR QUE O PRECATÓRIO NÃO FOI LIBERADO????

Porque o prefeito não refaz o projeto dentro dos moldes da Lei. Quando se tem intenção de pagar vai lá e faz o que deve ser feito dentro da Lei e não fica atrás de argumentos contrários para ludibriar os “inocentes” como no caso de um ofício circular do TCU que na interpretação dos “maus intencionados” refletem a seu favor.

ENGRAÇADO É QUE TODOS OS MUNICÍPIOS RECEBERAM ESSE OFÍCIO E TODOS OS DIAS OS MUNICÍPIOS CONTINUAM PAGANDO O PRECATÓRIO!!! Como no caso de Juazeiro, e por último o município de Aracati. SABEM POR QUÊ???? PORQUE NESSES MUNICÍPIOS TÊM PREFEITOS BEM INTENCIONADOS E COMPROMETIDOS COM A EDUCAÇÃO E COM OS PROFESSORES.

ONDE É QUE UM OFÍCIO SUBSTITUI UMA LEI MAIOR? Só em Acopiara???

Não venha com desculpas que tem medo de fazer errado e depois ser prejudicado QUE EU O CONHEÇO MUITO BEM PREFEITO.

Só quem é cego e não entende um mínimo de Lei é que se deixa ser iludido. E como os outros municípios QUE RECEBERAM ESSE MESMO OFÍCIO DO TCU CONTINUAM PAGANDO O PRECATÓRIO 60% PARA OS PROFESSORES?

Invente outra, que nem seu choro convence mais.

O que se comenta na cidade é que o mesmo peticionou uma liminar, embasado nesse ofício do TCU pedindo pra ficar com 100% do dinheiro do precatório E NÃO DAR NADA AO PROFESSOR.

E AÍ PROFESSOR? SE ESSE COMENTÁRIO FOR VERDADE O QUE VOCÊ ACHA DESSA ATITUDE? VOCÊ QUE TEM DIREITO A APROXIMADAMENTE R$ 90.000,00 (NOVENTA MIL REAIS) NÃO VAI FAZER NADA?

Precisamos ter fé em Deus. E enquanto houver os “princípios norteadores” da LEI MAIOR que resguardam nossos diretos, NOS SENTIMOS MAIS CONFIANTES NA JUSTIÇA e não nos conceitos de “duas pessoas em conluio” dizendo uma coisa e agindo com arbitrariedades.

Graças ao SINDIPREMA, aconteceu uma Audiência Pública no dia 18/10/2017 na sede da Promotoria de Justiça de Acopiara ONDE O PREFEITO ASSINOU, NO TERMO DA AUDIÊNCIA, UM COMPROMISSO DE FAZER O RATEIO DOS 60% DO PRECATÓRIO PARA O MAGISTÉRIO EFETIVO quando esse for desbloqueado, se comprometeu ainda em ELABORAR UM NOVO PROJETO e procurar os órgãos TCE e MPF para pedir celeridade do julgamento dos respectivos processos em tramitação e que para isso pediu ao MPE “ajuda” e um prazo de 20 dias (Procedimento Administrativo nº. 013/2017-2ª PJA).

NÃO É POSSÍVEL QUE O PREFEITO DIGA E ASSINE UMA COISA DIANTE DA JUSTIÇA NA PRESENÇA DE UMAS 30 PESSOAS E FAÇA OUTRA COISA.

POR ISSO QUE NÃO ACREDITAMOS EM BOATOS, POIS COMO CONHEÇO OS DOIS LADOS DA POLÍTICA DE ACOPIARA, ESSES BOATOS SÃO LANÇADOS ESTRATEGICAMENTE PARA AMEDRONTAR OS COVARDES E NÃO OS JUSTOS.

PORQUE QUE O PREFEITO NÃO PUBLICA O TEOR DA PETIÇÃO QUE PETICIONOU NO TCE OU MPF? CADÊ O NÚMERO DO PROTOCOLO DESSA PETIÇÃO? SERÁ QUE FOI FEITO UM NOVO PROJETO OU PELO MENOS REFEITO O PROJETO SEM MORDER OS 15 MILHÕES?

Como já citei, estivemos mais uma vez no TCE, onde nos foi dado um extrato atualizado sobre o andamento do processo de bloqueio, cujo o andamento continua o mesmo, ou seja, NÃO FOI FEITO NENHUM PROTOCOLO POR PARTE DA PREFEITURA MUNICIPAL DE ACOPIARA. (ver documento em anexo). 

Também nos foi orientado a ficar nos comunicando com o TCE por meio de sua ouvidoria, onde poderemos ser informados de forma atualizada sobre o andamento do processo do bloqueio, portanto, temos mais um canal de fiscalização e cobrança para utilizar.

Ficaremos no aguardo do prazo de 20 dias para verificar o que teremos de novidades. Caso não nos seja respondido algo de concreto convocaremos uma Assembleia Geral com toda a categoria para decidirmos o que fazer. TALVEZ UMA SEGUNDA PARALISAÇÃO JÁ PRÉ-DATADA PARA A ÚLTIMA SEMANA DE NOVEMBRO ou antes, pois quem vai decidir é a categoria de professores.

Pois, como disse o grande presidente Getúlio Vargas: “Uni-vos todos nos vossos sindicatos, como forças livres e organizadas. O Sindicato é a vida, a arma de luta, a vossa fortaleza defensiva”

O SINDIPREMA ME REPRESENTA, SIM.

O SINDIPREMA É O ÚNICO QUE ESTÁ LUTANDO PELOS PROFESSORES. A NOSSA LUTA TEM COMO PRINCÍPIOS: a Razoabilidade, a Proporcionalidade, a Igualdade e o Direito.

Damos publicidade as nossas ações porque falamos a verdade e não temos o que temer. (Confira os documentos em anexo, e tire suas conclusões. – álbum).

O SINDIPREMA ESTÁ DE BRAÇOS ABERTOS PARA RECEBER VOCÊ PROFESSOR.

Aguardamos respostas concretas do Prefeito de Acopiara.

QUE A JUSTIÇA SE FAÇA.

DO CONTRÁRIO, FAREMOS UMA PARALISAÇÃO.

ESTAMOS DE OLHO NO PRAZO DE 20 DIAS.

Idalmi Pinho Guilherme
Presidente do SINDIPREMA

Nenhum comentário: