TV Meu Xodó - A TV da nossa gente e Rádio Nova FM de Iguatu

Rádio Nova FM - 104,9

quarta-feira, 11 de maio de 2022

Sofrimento dos segurados do INSS é cada vez maior e Ministro da Previdência é cobrado a explicar impasse na greve dos servidores


O sofrimento dos segurados que esperam respostas a pedidos de benefícios previdenciários é cada vez maior e, diante do impasse na paralisação dos servidores do INSS, a Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público decidiu convidar o ministro do Trabalho e Previdência, José Carlos Oliveira, a fim de prestar esclarecimentos sobre a greve dos peritos e servidores do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS). A data da reunião está programada para o dia 30, mas servidores e deputados querem antecipar a audiência.

A paralisação dos servidores administrativos foi deflagrada no dia 23 de março e caminha para dois meses sem uma solução. Os servidores apresentam uma pauta com várias reivindicações e, na pauta, estão o reajuste salarial de 19,99%, o fim das contratações de terceirizados e a realização de concurso público.

A consequência da greve é prejuízo para mais de 2 milhões de segurados do INSS que esperam respostas aos pedidos de benefícios. O quadro se agrava ainda mais com a paralisação dos médicos, gerando, assim, a suspensão das perícias que permitem a manutenção de auxílios. 

O autor do requerimento, o deputado Bira do Pindaré, ainda destacou que a manutenção da greve se dá pela falta de uma resposta efetiva do governo às demandas dos servidores e que a situação afeta os cidadãos nas filas dos INSS. O deputado afirmou, antes da sessão deliberativa, que o objetivo do convite é saber qual a postura do governo diante da situação. “O governo não pode ficar na inércia, na negligência, no descaso. Nossa tentativa é fazer o governo sentar à mesa para solucionar esse impasse”, destacou Bira do Pindaré.

Ceará Agora

Nenhum comentário: