TV Meu Xodó - A TV da nossa gente!

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2021

Após revés no DEM, Maia diz que pode abrir impeachment contra Bolsonaro

Ao ser informado que o seu partido, o DEM, deixaria o bloco de Baleia Rossi (MDB-SP) na disputa pelo comando da Câmara, o presidente da Casa, Rodrigo Maia (RJ), disse neste domingo que poderia abrir um processo de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro.

Maia deixa o cargo nesta segunda-feira e tem 64 pedidos de afastamento a espera de deliberação. A informação foi publicada na noite deste domingo pelo G1 e confirmada ao GLOBO por parlamentares que presenciaram o diálogo.

Maia foi informado pelo presidente do DEM, ACM Neto, que havia apoio suficiente para o partido apoiar o adversário de Rossi, Arthur Lira (PP-AL). Mais tarde, na sede do partido, a Executiva do DEM ratificou a decisão de abandonar o emedebista.

O DEM, no entanto, ficará independente, sem apoiar qualquer candidato oficialmente.

Nenhum comentário: