TV Meu Xodó - A TV da nossa gente!

quarta-feira, 29 de julho de 2020

Ceará perde 41,5 mil postos de trabalho no primeiro semestre de 2020

No primeiro semestre de 2020, o Ceará perdeu cerca de 41,5 mil postos de trabalho, segundo os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta terça-feira (28) pelo Ministério da Economia. O estado apresentou o 9º pior resultado entre as unidades da Federação no período.

Ao todo, de janeiro a junho, o Ceará teve 152.806 admissões e 194.386 desligamentos. No primeiro semestre de 2019, o estado também apontou um saldo negativo com o fechamento de de 6.994 postos de trabalho, resultado de 193.581 desligamentos e 186.587 admissões.

De acordo com os dados do Caged, em junho, o Ceará teve um saldo negativo de 1.740 vagas, com mais de 20 mil desligamentos ante 18.667 admissões. O resultado aponta o quarto mês consecutivo de retração do mercado de trabalho local em 2020, ainda que uma desaceleração do ritmo de fechamento.

Nenhum comentário: