TV Meu Xodó - A TV da nossa gente!

sexta-feira, 10 de abril de 2020

Políticos cearenses diagnosticados com Covid-19 relatam tratamento e reforçam apelo por isolamento

O novo coronavírus atingiu diversas lideranças políticas no Ceará. Entre deputados estaduais, ex-parlamentares, representantes dos outros poderes, auxiliares e familiares, vários foram diagnosticados com a Covid-19. Alguns já estão recuperados, outros em tratamento, mas todos continuam cumprindo o isolamento social.

Veja o que alguns deles relataram ao Diário do Nordeste:

Júlio César Filho (Cidadania) - líder do Governo Camilo Santana na Assembleia Legislativa

Foi o primeiro a testar positivo para o novo coronavírus, no último dia 17 de março. Segundo o parlamentar, os sintomas surgiram no dia 14 de março: febre, dor de cabeça e dor no corpo. No início, os médicos suspeitaram de dengue. Mesmo sem o diagnóstico, ele começou o isolamento. No dia 1º de abril recebeu alta.

"Passados os 14 dias, voltei a ter contato com minha esposa e o meu filho, que não apresentaram sintomas. No entanto, continuo, até o momento, em isolamento domiciliar porque, conforme orientação da OMS (Organização Mundial da Saúde), essa é a maior ferramenta para vencermos essa batalha contra o coronavírus".

Queiroz Filho (PDT) - deputado estadual

Recebeu o resultado do teste no último dia 22 de março. Desde então, está em isolamento domiciliar.

Tin Gomes (PDT) - deputado estadual

O parlamentar também foi diagnosticado no último dia 22 de março. Em nota nas redes sociais, disse que está em "total" estado de quarentena e seguindo as recomendações médicas.

Antônio Granja (PDT) - deputado estadual

Recebeu o resultado positivo no último dia 24 de março e está em isolamento na sua residência em Jaguaribara. Ele disse que apresentou tosse, espirro e dor no corpo. Disse que hoje está bem, mas preocupado, porque é hipertenso e diabético.

"A maioria das pessoas ainda estão com medo de se aproximar de mim ou das pessoas da minha fazenda. Fiquei no isolamento dentro da minha fazenda. Estou hoje no 24º dia do dia que recolhi o exame e a dois dias ainda estava com muita dor no corpo, sensação de frio, mandei desligar o ar-condicionado. Ainda tem uma coisa estranha dentro do meu corpo", conta.

João Jaime (DEM) - deputado estadual

O parlamentar também foi diagnosticado há quase duas semanas. Após sentir febre, tosse e dor no corpo, foi internado em um hospital particular, em Fortaleza. Ele conta que teve "infecções secundárias".

"É muito pior do que propagado na imprensa. Só quem passa sabe o quanto o sofrimento é grande e se cuidaria mais", aconselha.

Moisés Braz (PT) - deputado estadual

O parlamentar testou positivo no último dia 1º de abril, foi internado em um hospital particular de Sobral com quadro estável e isolado dos demais pacientes. No último domingo (5), ele voltou para casa, cumpre o isolamento domiciliar e, segundo a sua a sua assessoria, está se recuperando bem.

Augusta Brito (PCdoB) - deputada estadual

O mais recente caso de Covid-19 entre parlamentares cearenses. Em nota, Augusta Brito informou que fez o teste no dia 24 de março, após sentir dor de cabeça, falta de olfato e paladar e dor no corpo, e recebeu o resultado positivo na última quarta (8). Ela disse que segue em isolamento domiciliar.

Fora da Assembleia Legislativa, outros políticos cearenses também testaram positivo para Covid-19. Relembre:

Roberto Cláudio (PDT) - prefeito de Fortaleza

Recebeu o teste positivo para o novo coronavírus no último dia 20 de março e começou a trabalhar remotamente em casa. Ele não apresentou sintomas da Covid-19. Dois secretários da Prefeitura - Alexandre Pereira (de Turismo) e Samuel Dias (secretaria de Governo) - foram diagnosticados também.

- Prisco Bezerra (PDT) - senador

Irmão do prefeito Roberto Cláudio, o senador informou que tinha testado positivo no último dia 19 e apresentou sintomas semelhantes a um quadro gripal, como tosse e febre.

- Izolda Cela (PDT) - vice-governadora

Ela recebeu e o marido, ex-prefeito de Sobral Veveu Arruda, receberam o diagnóstico positivo no último dia 18 de março, e partiram para o isolamento. Na última segunda-feira (6), Izolda informou que ela e o marido receberam alta.

- Carlos Matos (PSDB) - ex-deputado estadual

Ele testou positivo no dia 17 de março, começou a quarentena e recebeu alta no último dia 30. O ex-parlamentar disse que tomou a medicação hidroxicloroquina por orientação médica, para evitar "complicações". Hoje, conta que está "muito bem".

"Querendo me mobilizar com outras pessoas para ser solidário com os necessitados, atuarmos juntos. Não é hora de politizar, de ideologia, nada , mas de todos termos espírito de serviço, unidos para minimizar o impacto dessa grande crise do Covid 19", defende.

- Raimundo Gomes de Matos (PSDB) - ex-deputado federal

Ele informou o resultado positivo no último dia 20 de março e disse que ficaria em isolamento doméstico.

Diário do Nordeste

Nenhum comentário: