TV Meu Xodó - A TV da nossa gente!

quarta-feira, 18 de março de 2020

Com 11 casos, Sesa já estuda suspender internações eletivas para priorizar tratamento do coronavírus

Com 11 casos de coronavírus confirmados, até o fim de tarde de ontem (17), no Ceará pela Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), o Governo do Estado, segundo o titular da Sesa, Carlos Roberto Martins Rodrigues Sobrinho, Dr. Cabeto, tem estudado medidas para garantir assistência hospitalar no agravamento da situação.

A projeção do secretário é que no pico de casos, o Ceará tenha cerca de 10 mil pessoas contaminadas. Desse total, a estimativa é que 10% demandariam internações que para serem garantidas é preciso alterar a estrutura de leitos cujo déficit é um problema histórico.

O secretário da Saúde, em entrevista ao SVM, explica que o Estado deverá adotar a estratégia de reduzir internações eletivas e transferir procedimentos. Isso, na tentativa de deixar vagas específicas para os pacientes contaminados pela Covid-19.

Nenhum comentário: