TV Meu Xodó - A TV da nossa gente!

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020

261 PMs são investigados por atos contra a segurança: 'vamos agir com todo rigor', diz André Costa

Chega a 261 o números de policiais militares investigados por crimes relacionados a paralisações e danos a viaturas da corporação no Ceará. Segundo o secretário de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), André Costa, existem "grupos da Polícia Militar que têm praticado crimes militares e atos de vandalismo", disse em coletiva na manhã desta quarta-feira (19).

"Para essas pessoas, vamos agir com todo o rigor", acrescentou. Segundo ele, os PMs irão responder por motim, revolta, insubordinação e devem ficar sem seus salários.

Entre a noite de terça-feira (18) e esta quarta, atos contra a segurança pública foram registrados em Fortaleza e em cidades do Interior.

Na Capital, o 18º Batalhão da Polícia Militar, no Antônio Bezerra, teve o acesso bloqueado por viaturas, que também tiveram pneus furados nesta manhã. Na madrugada, no bairro Papicu, um grupo com aproximadamente 30 pessoas encapuzadas invadiu o 22º Batalhão da PM e levou cerca de 10 carros do local. Já no Conjunto Ceará, 20 pessoas mascaradas furaram os pneus de carros estacionados no pátio do 17º Batalhão da PM, incluindo veículos particulares de policiais.

Pelo menos outras sete cidades do Estado também registraram paralisação de grupos de policiais. O apoio de forças federais está sendo analisado pelo Governo do Estado.

Nenhum comentário: