TV Meu Xodó - A TV da nossa gente!

sexta-feira, 18 de outubro de 2019

Psicóloga e pai, vítimas de desabamento em edifício, têm corpos localizados no mesmo dia

Uma triste coincidência marcou o terceiro dia de buscas por vítimas nos escombros do edifício Andrea, que desabou no bairro Dionísio Torres, em Fortaleza, na última terça-feira (15). O Corpo de Bombeiros localizou nesta quinta-feira (17) os corpos de pai e filha, que morreram na tragédia. Às 23h42, a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) confirmou a morte da sexta vítima.

Antônio Gildásio Holanda Silveira, de 60 anos, e a psicóloga Nayara Pinho Silveira, de 31 anos, moravam no prédio e estavam no local no momento da queda da estrutura.

O corpo de Antônio Gildasio foi o primeiro a ser encontrado sob os escombros do prédio e retirado da área por volta das 6h40. Já o corpo de Nayara, foi localizado por volta de meio-dia, mas no momento do resgate, a vítima ainda não havia sido identificada. Com isso, já são seis mortes confirmadas na tragédia, sendo quatro mulheres mortas e dois homens.

No momento do resgate de pai e filha, uma lona escura foi usada para cobrir as vítimas e colocaram os corpos em um veículo da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce). Os corpos foram levados para a sede da Pefoce, no Bairro Moura Brasil.

Gildásio foi identificado pela Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) por meio da impressão digital.

Nenhum comentário: