TV Meu Xodó - A TV da nossa gente!

quinta-feira, 10 de outubro de 2019

Passagens caem 8,9% em três anos no Ceará; redução vem após cobrança por despacho de malas

O preço das passagens aéreas caiu 8,89%, em média, no Ceará no acumulado de janeiro a maio deste ano na comparação com igual período de 2016 - antes da cobrança pelo despacho de malas. Segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), que realiza mensalmente o monitoramento das tarifas, o valor médio no Estado passou de R$ 416,05 para R$ 379,06.

No entanto, é preciso ressaltar que em 2016 ainda não valiam as regras para o despacho de bagagens. A Anac autorizou a cobrança por parte das companhias naquele ano, mas as regras começaram a ser aplicadas em 2017. Já em 2019, o preço de R$ 379,06 considera apenas o bilhete e não contabiliza os gastos dos viajantes com as franquias de malas e demais serviços opcionais.

De 10 trechos pesquisados pela reportagem, apenas uma rota teve aumento no valor médio da passagem. De acordo com as informações da Anac, o trecho Fortaleza-Salvador teve alta de 14,58%, no acumulado de janeiro a maio de 2019 em relação a igual período de 2016. As tarifas médias passaram de R$ 276,24 para R$ 316,52.

A maior queda foi registrada na rota Fortaleza-Natal, que teve redução de 35,62% no período analisado. De janeiro a maio de 2016, a tarifa média foi de R$ 263,29, enquanto que neste ano foi de R$ 169,48.

As 10 rotas pesquisadas pela reportagem foram Fortaleza-Natal (-35,62%), Fortaleza-Belo Horizonte/Confins (-29,33%), Fortaleza-Belém (-28,32%), Fortaleza-Recife (-14,16%), Fortaleza-São Paulo/Guarulhos (-10,36%), Fortaleza-Manaus (-9,75%), Fortaleza-Brasília (-9,29%), Fortaleza-Rio de Janeiro/Galeão (-6,26%), Fortaleza-Campinas (-6,20%) e Fortaleza-Salvador (14,58%).

DN Online

Nenhum comentário: