TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

quinta-feira, 27 de junho de 2019

No ritmo do cearense Everton Cebolinha, Brasil reencontra Paraguai para dar o troco no 'mata-mata', na Copa América

Situada a apenas 25 quilômetros de Fortaleza, a cidade de Maracanaú (CE) vibra de longe com o sucesso repentino de seu filho mais ilustre com a camisa verde-amarela. Mas é na Arena Grêmio, em Porto Alegre – onde ganhou fama e começou a se tornar ídolo de um dos maiores clubes do país – que o atacante Éverton Cebolinha, de 23 anos, se sente verdadeiramente em casa e com vontade de brilhar ainda mais. O jogador viverá momento especial quando entrar no gramado do estádio do tricolor gaúcho contra o Paraguai nesta quinta-feira, às 21h30, no jogo que abre as quartas de final da Copa América: será a primeira vez que o novo xodó será titular da Seleção Brasileira em território gaúcho, numa partida em que terá boa parte da torcida ovacionando seu nome.

Éverton ganhou de vez a confiança do técnico Tite ao longo da competição com sua característica de jogo ousada e foi decisivo nas três partidas da fase inicial. Ele fez um gol contra a Bolívia, na estreia, construiu jogada que culminou no gol de Philippe Coutinho no empate com a Venezuela (a jogada foi anulada pelo árbitro de vídeo) e voltou a deixar sua marca nos 5 a 0 contra o Peru, na melhor exibição do Brasil nesta temporada.

Nesta quinta-feira, o jogador será uma das armas para vencer o forte sistema defensivo dos paraguaios, que eliminaram o Brasil nos pênaltis na Copa América em 2011 e 2015. A aposta de Tite é para que o atacante possa se beneficiar de seu jogo vertical para melhorar o volume de jogo dos donos da casa. “Acompanhamos os jogos do Paraguai na primeira fase. Apesar de eles terem feito apenas dois pontos, o adversário tem um time de qualidade, eliminou o Brasil em várias ocasiões. Eles contam com bons atletas, como o Derlis González e o Gatito Fernández, que são atletas que eu me acostumei a enfrentar no Brasileiro, mas acredito que estaremos prontos para passar de fase”, ressalta Éverton.

Nenhum comentário: