TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

sábado, 18 de maio de 2019

Após 17 anos foragido, cearense acusado de homicídio é preso no Rio de Janeiro

Após 17 anos foragido, o cearense Cícero Luiz da Silva (“Cícero Bombaça”), 49, foi preso na cidade de Queimados, no Rio de Janeiro, no fim da tarde desta sexta-feira (17). Contra ele havia um mandado de prisão em aberto expedido em 2004, por conta de um homicídio ocorrido em 2002, no município de Brejo Santo. A vítima era filho de um policial e irmão de dois PMs.

Cícero Bombaça foi capturado em uma ação conjunta da Polícia Militar do Ceará e do Rio de Janeiro. Ele foi localizado em frente uma residência no bairro carioca Vila Guimarães, depois da troca de informações entre os agentes de segurança dos dois estados.

Conforme o major Lucivando Rodrigues, comandante da 3ª Cia do 2º BPM, Cícero era considerado um dos homens mais procurados da Justiça de Brejo Santo. Depois da captura ele foi conduzido à 55ª DP e posteriormente à 52ª DP Central de Flagrantes, no Rio, onde está preso.

Crime

Em maio de 2002, Gilmar Felicio dos Santos foi morto a tiros por Cícero Bombaça em um bar na Rua Manoel Leite de Moura, no Centro de Brejo Santo.

De acordo com o major Lucivando Rodrigues, o homicídio foi motivado por vingança. Cícero acreditava que a vítima havia o denunciado para a polícia, causando sua prisão dias antes, por porte ilegal de arma.

A captura de Cícero Luiz da Silva foi feita dois anos antes do crime prescrever.

Nenhum comentário: