TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

terça-feira, 26 de março de 2019

Delator diz à Polícia Federal que empresário detido era próximo a Eunício Oliveira

José Antunes Sobrinho, executivo ligado à Engevix, em depoimento à Polícia Federal, no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, afirmou que o empresário Rodrigo Nevs, também preso na operação que capturou o ex-presidente Michel Temer (MDB), se apresentava como pessoa próxima ao ex-presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE). A informação é do Portal Uol.

Um relatório da PF anexado à investigação da Operação Descontaminação, deflagrada na quinta-feira (21) contra propinas nas obras da Usina de Angra 3, apontou que Rodrigo Neves foi sócio do ex-senador em duas empresas.

A desembargadora Simone Schreiber, plantonista do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, acolheu o habeas corpus impetrado pela defesa de Rodrigo Castro Alves Neves e mandou soltar o empresário.

“Outro fato que chamou atenção é a respeito da pessoa de Ricardo Neves, o mesmo seria o responsável por intermediar o contrato de R$ 24 milhões entre a Alumi e a Infraamérica para explorar serviço de publicidade e mídia externa do Aeroporto Internacional de Brasília por um período de 6 anos.

Ricardo Neves já foi sócio do atual senador da República, Eunício de Oliveira, em pelo menos duas empresas, podendo corroborar com o depoimento de Sobrinho no que tange à influência política de Ricardo Neves”, apontou a PF.

Nenhum comentário: