TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

Ao mesclar peças dos dois times, Lisca admite que Ceará não rendeu

Mesmo com a vitória por 2 a 1 contra o Altos/PI no Castelão no sábado, o técnico do Ceará, Lisca, admitiu que a estratégia de mesclar os dois times que vinham se revezando a cada jogo não funcionou

O Ceará venceu o Altos/PI, por 2 a 1, na Arena Castelão, no último sábado, com uma estratégia inédita na temporada 2019. Para o duelo, o técnico Lisca decidiu utilizar um time misto, utilizando peças dos dois times que vinham se revezando até então. E após o duelo no Castelão, o treinador do Ceará admitiu que a equipe não rendeu o esperado.

"Fiz por opção e necessidade. Não mudamos tanto, mas sentimos o cansaço. Talvez se eu tivesse trocado todo mundo, o rendimento poderia ser maior. Jogamos muito espaçados, e não fomos bem taticamente", analisou.

Em seguida, o treinador afirmou que estava previsto uma mescla dos dois times.

"Eu disse que nos primeiros jogos seriam times diferentes e no decorrer íamos mesclar. Até porque não quero um time para lá e outro para cá. É o mesmo time", destacou o treinador do Ceará.

Mudanças?

Sem tantas opções pela maratona de jogos, o treinador fez a análise das mudanças que fez para o jogo. "A linha defensiva foi a mesma, apenas sem o Luiz Otávio. Alterei os volantes para termos um pouco mais de força, pois o Edinho e Juninho estavam desgastados, mantendo o Ricardinho e o Baxola. Dei uma chance para o Chico de início e para o Roger, tirando o Bueno e o Feijão".

Como a maratona continua, com jogo diante do Horizonte na quarta-feira (13), pela 2ª rodada do Estadual, às 20 horas, novamente no Castelão, e sábado, contra o Vitória, pela Copa do Nordeste, no Barradão, Lisca não adiantou qual estratégia utilizará.

"Vamos analisando e estas experiências vão nos mostrando qual o caminho", finalizou.

DN Online

Nenhum comentário: