TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Fies terá juro zero; IES assumirá inadimplência

Contratos antigos do Fies não serão alterados por novas regras MAURI MELO
O Ministério da Educação (MEC) anunciou ontem Novo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), que será dividido em três modalidades e começa em 2018. Serão 310 mil vagas, sendo 100 mil a juros zero para estudantes com renda mensal familiar per capita de até três salários mínimos. Mas uma das regras é vista com cautela por instituições privadas de ensino superior (IES) de Fortaleza. A que as responsabiliza caso haja inadimplência do aluno.

No Fies 1 haverá fundo garantidor com recursos da União e juros zero. O aluno começará a pagar em parcelas de, no máximo, 10% de sua renda mensal futura. O MEC prevê economia mínima de R$ 300 milhões anuais. O Fies 2 terá recursos dos fundos constitucionais regionais, para alunos com renda familiar per capita de até cinco salários, com juros baixos e risco de crédito dos bancos. Serão ofertadas 150 mil vagas em 2018 para as regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste.

Já a modalidade 3 terá como fontes de recursos o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e fundos regionais de desenvolvimento das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, com juros baixos para estudantes com renda familiar per capita mensal de até cinco salários mínimos. O risco de crédito também será dos bancos. Serão ofertadas 60 mil vagas no próximo ano.

O POVO Online

Nenhum comentário: