TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

quarta-feira, 21 de novembro de 2018

Com aeronave personalizada, Ceará freta voo pela primeira vez para jogo da Série A

Quando o Ceará entrar em campo na Arena da Baixada no próximo domingo, 25, a equipe alvinegra vai ter feito cinco jogos em um espaço de 14 dias. Isso dá a média de quase uma partida a cada três dias. Ainda na briga contra o rebaixamento e pensando no desgaste físico dos atletas, o clube decidiu fretar um voo de Fortaleza para Curitiba na sexta-feira, 23, à noite, atitude feita algumas vezes por times como Flamengo, Internacional e Botafogo. Para o Vovô, será a primeira vez.

O valor do fretamento ainda não foi repassado oficialmente à agremiação, mas segundo apurações do Esportes O POVO, deve custar em média R$ 150 mil, mesmo valor pagos pelos clubes que já fizeram uso da empresa Sideral, que fará o trecho Fortaleza-Curitiba para o Ceará. Com chegada prevista por volta da meia-noite de sexta para sábado, o Alvinegro não fretará o vôo de volta e retornará à capital cearense em viagem comercial da Gol, empresa que patrocina o campeonato.

O motivo do fretamento é realmente um investimento para os atletas, evitando possíveis desgastes. Com algumas viagens feitas recentemente, o objetivo é chegar em Curitiba o mais rápido possível, não pegando conexões ou escalas, como é de costume em voos comerciais. Por jogo fora de casa, times da Série A do Campeonato Brasileiro recebem 33 passagens da CBF, o que dá por volta de R$ 10 mil reais. Sendo assim, o valor de custo para esse frete sai do bolso do clube.

O avião disponibilizado ao Alvinegro foi usado recentemente pelo Botafogo, quando o time carioca viajou para Chapecó, onde bateu a Chapecoense por 1 a 0 no último dia 15. Com capacidade para 50 pessoas, a aeronave ainda vai fazer o trajeto personalizada com artefatos que representam o Ceará, incluindo um adesivo externo e interno. A equipe joga contra o Atlético-PR no domingo, às 16h no horário de Fortaleza, em jogo válido pela 37ª rodada da Série A.

O POVO 

Nenhum comentário: