TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

terça-feira, 30 de outubro de 2018

Um dia após cirurgia de separação total, siamesas do Ceará já respiram sem aparelhos

As irmãs siamesas que nasceram unidas pela cabeça já respiram sem a ajuda de aparelhos nesta segunda-feira (29), um dia após a cirurgia de separação total no Hospital das Clínicas da USP em Ribeirão Preto (SP). A expectativa é que Maria Ysabelle e Maria Ysadora, de 2 anos, comecem a se alimentar normalmente em até dois dias.

As meninas estão com as cabeças enfaixadas, mas já ficam nos braços dos pais na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A pediatra Maristella Francisco dos Reis explicou que as gêmeas ainda estão sonolentas, uma vez que ficaram anestesiadas por um longo período: a última cirurgia de separação durou 20 horas e terminou na madrugada de domingo (28).

“Mais uma vez, elas nos surpreenderam. Depois de uma cirurgia muito longa, tensa pela complexidade, elas nos surpreenderam. Eu já me emocionei ao encontrar a Ysabelle no colo da mãe. Em seguida, a Débora pôde pegar a outra também”, disse a pediatra. “A maior expectativa é que elas se vejam frente a frente”, completou.

Nenhum comentário: