TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

segunda-feira, 1 de outubro de 2018

Para Lewandowski, impedir que Lula dê entrevistas é ‘censura’

A novela sobre a liberação ou não de entrevistas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva continua ganhando novos capítulos. Nesta segunda-feira (1º), o ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), classificou como “censura” a decisão do ministro Luiz Fux de impedir que o petista receba a imprensa na sede da Polícia Federal em Curitiba, onde está detido.

“Essa decisão censurou um dos mais importantes veículos de comunicação do Brasil, impedindo que este veículo fizesse uma entrevista com um ex-presidente da República”, disse ao ser questionado sobre o crescente protagonismo do poder Judiciário em um debate na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP).

Relembre

Fux decidiu suspender a autorização dada por Lewandowski na última sexta (28). “Defiro a liminar para suspender (…) os efeitos da decisão proferida até que o colegiado aprecie a matéria de forma definitiva. Por conseguinte, determino que o requerido Luiz Inácio Lula da Silva se abstenha de realizar entrevista ou declaração a qualquer meio de comunicação, seja a imprensa ou outro veículo destinado à transmissão de informação para o público em geral”, afirmou na ocasião.

“Determino, ainda, caso qualquer entrevista já tenha sido realizada por parte do aludido requerido, a proibição da divulgação do seu conteúdo por qualquer forma, sob pena da configuração de crime de desobediência”, completou.

A decisão vale até o julgamento do caso pelo plenário da Suprema Corte, cuja data ainda não definida.

Nenhum comentário: