TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

quarta-feira, 22 de agosto de 2018

Ciro Gomes chama reforma trabalhista de 'selvagem' e diz que pretende revogá-la

O candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, chamou nesta terça-feira (21) de “selvagem” a reforma trabalhista em vigor desde o ano passado e disse que, se eleito, pretende revogá-la.

Em agenda de campanha, Ciro fez uma caminhada pela manhã em uma rua de comércio popular no Centro de Guarulhos, na Grande São Paulo. Ele andou em parte do calçadão Dom Pedro II, em frente à Igreja Matriz Nossa Senhora Conceição, onde cumprimentou militantes e conversou com eleitores.

"Nós vamos revogar essa reforma trabalhista e substituir por outra que consulte o diálogo que eu quero promover entre os trabalhadores, os empresários, a universidade e a legislação internacional comparada", afirmou o presidenciável a jornalistas.

Para ele, a reforma, em vigor desde novembro do ano passado, foi responsável por levar quase um milhão de trabalhadores para a informalidade.

"Essa reforma trabalhista é selvagem. Ela produziu quase um milhão de pessoas para a informalidade no Brasil. Portanto, o que nós queremos é substituir essa selvageria por uma coisa digna que proteja a força mais fraca que é a força do trabalho. Ainda mais com 13 milhões e 700 mil pessoas desempregadas e 33 milhões empurradas para viver de bico", afirmou.

Saneamento
Durante a caminhada, ele subiu em uma caixa de som e fez um discurso improvisado. O candidato voltou a falar sobre o endividamento do brasileiro.

Ainda durante o seu discurso, Ciro Gomes afirmou ainda que um dos focos da sua gestão será o investimento em saneamento básico como questão de saúde pública, a fim de evitar a transmissão de doenças, e que pretende retomar as obras paradas no setor.

Nenhum comentário: