TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

sexta-feira, 1 de junho de 2018

Desconfiança do eleitor desafia pré-candidatos

Image-0-Artigo-2407589-1
Desde o ano passado, e mais recentemente de forma mais intensa, deputados estaduais têm visitado diversos municípios do Estado em busca de apoio para alcançarem a reeleição no pleito deste ano. No entanto, segundo informaram, às vésperas do início de uma campanha reduzida, eles têm enfrentado dificuldades, como a falta de credibilidade popular no homem público, a escassez de recursos financeiros e o surgimento de novas candidaturas que disputam espaços em seus colégios eleitorais.

Alguns parlamentares disseram ao Diário do Nordeste que um dos trabalhos que eles têm tido nas incursões é o de tentar convencer eleitores de que a melhor maneira de eleger políticos preocupados com a sociedade é punir aqueles que fizeram algo de errado no passado e ajudar quem buscou acertar durante a atuação parlamentar.

A receptividade do eleitorado a pré-candidatos, contudo, nem sempre tem sido positiva. "A maior dificuldade que o candidato vai enfrentar é o descrédito da classe política. Tenho percebido isso comigo de forma genérica, e já vi eleitores dizendo que a vontade que eles têm é de não votar em ninguém", confessou Heitor Férrer (SD).

Segundo deputados, a preocupação maior que compartilham neste período de pré-campanha é de que o descrédito do homem público faça com que todos sejam "levados para a vala comum". "Aquele que errou quer é que esse pensamento se fortaleça, que punam todos. Temos que fazer uma campanha mostrando ao eleitorado quem foi o partido que errou. É preciso que punam esses partidos não ajudando eles, e que ajudem aqueles que acertaram, para que possam fazer a diferença", disse Férrer.

De acordo com os deputados entrevistados pelo Diário do Nordeste, não há, por parte de uma parcela do eleitorado, uma clara distinção entre aqueles que praticaram irregularidades e os que tiveram atuação correta. "Tem que distinguir o joio do trigo. Ninguém pode ser punido porque grande parte (dos políticos) fez algo de errado", defendeu o deputado do SD.

Apesar de afirmar ter uma base organizada e com menos dificuldades de convencimento que outros colegas, o petista Moisés Braz relatou que a disputa no Interior do Estado tem sido intensa, principalmente, com a chegada de pré-candidatos novatos na disputa por vagas no Legislativo, que estão em busca de apoios e passam a atuar em colégios eleitorais de políticos com mandato. Para ele, a maior dificuldade que todos os políticos enfrentam atualmente é a descrença da população no homem público e na política em geral.

DN Online

Nenhum comentário: