TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

segunda-feira, 19 de março de 2018

Fortaleza x Ferroviário: Marcelo Paz pede firmeza à FCF para que data do Clássico não mude

A possibilidade de mudança na data do Clássico das Cores válido pela última rodada da 2ª Fase do Campeonato Cearense, marcado para quinta-feira, 22, não foi bem recebida no Pici. O presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, se posicionou de forma contrária a alteração, na manhã desta segunda, 19, em coletiva, e subiu o tom pedindo firmeza para a Federação Cearense de Futebol (FCF).

“O que sabemos é que o Ferroviário está pleiteando a mudança do jogo de quinta, via Sindicato dos Atletas. O mesmo sindicato que permitiu que o Ceará jogasse com atletas iguais em jogos numa terça e numa quinta. Então sou totalmente contra, porque a 2ª Fase do campeonato era pra ter terminado ontem (domingo), só passou para o dia 22 porque o próprio Ferroviário pediu adiamento da primeira rodada. Então não tem o menor sentido o mesmo clube pedir novamente que mude”, declarou o dirigente do Leão.

“A gente tem que respeitar o calendário; o que é combinado. (A mudança) afeta a credibilidade do nosso futebol que está sendo visto pelo Brasil inteiro. Está todo mundo olhando para cá e o tempo todo muda tabela. Quem está nas suas competições, tem que assumir o risco de disputar todas”, completou Paz. O presidente também afirmou que já foram vendidos ingressos para o Clássico das Cores, podendo gerar, segundo ele, problemas sérios caso a data da partida seja modificada.

Em conversa O POVO, o presidente do Sindicato dos Atletas do Ceará, Marcos Gaúcho, revelou que além dos jogadores do Ferroviário, os atletas do Ceará também estão reivindicando a mudança da data do duelo contra o Floresta, marcado para o mesmo dia 22 no estádio Presidente Vargas (PV). Assim como o Tubarão da Barra – que medirá forças contra o Vitória-BA pela Copa do Nordeste na quarta, 21 - o Vovô entrará em campo pelo Nordestão nesta terça, 20, contra o CSA, em Alagoas. “Amanhã de manhã teremos uma reunião no Ministério Público Estadual. Estou pegando parecer técnico de um fisiologista para dar respaldo científico ao pleito”, disse Gaúcho.

BRENNO REBOUÇAS | NETO RIBEIRO
O POVO Online

Nenhum comentário: