TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Executivos da JBS deixam sede da PF em SP e vão para Brasília

Joesley deixa a sede da PF (Polícia Federal) em São Paulo com destino a Brasília
O empresário Joesley Batista, sócio do grupo JBS, e o executivo Ricardo Saud deixaram a sede da PF (Polícia Federal) em São Paulo por volta das 10h30 desta segunda-feira (11). Os dois delatores, que tiveram a prisão decretada pelo STF (Supremo Tribunal Federal), foram levados ao aeroporto de Congonhas, na zona sul, de onde vão decolar para Brasília no fim da manhã.

Em Brasília, onde devem ficar presos pelo menos até sexta-feira (15), já que se trata de prisão temporária de cinco dias, Joesley e Saud devem passar por exame de corpo de delito no IML (Instituto Médico Legal).

Os pedidos de prisão de Batista e Saud haviam sido feitos pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, na sexta-feira (8). No domingo (10), o ministro Edson Fachin, do STF, acolheu os pedidos. Janot também havia pedido a prisão do ex-procurador Marcello Miller. Fachin, no entanto, não aprovou a prisão.

Para o ministro, há "indícios suficientes" de que os dois violaram o acordo de colaboração premiada ao omitir a participação de Miller no processo de delação. Fachin afirmou ainda que há indícios de que as delações ocorreram de maneira "parcial e seletiva".

Nenhum comentário: