terça-feira, 29 de agosto de 2017

Projeto de lei visa instituir política de prevenção ao uso de álcool, tabaco e outras drogas nas escolas

A sociedade moderna tem vivenciado, de forma contundente, os problemas advindos do consumo de drogas lícitas e ilícitas. O estado do Ceará não se constitui exceção a este cenário, que envolve os mais diversos efeitos negativos, como a desestabilidade das estruturas sociais, ameaça aos valores humanos, políticas, econômicos e culturais.

Este quadro gera consideráveis prejuízos, com o consequente crescimento das necessidades de prevenção, acolhimento e tratamento, bem como a reinserção social e profissional dos atores envolvidos. Diante do preocupante cenário, fez-se necessário propiciar ações que levam a população, sobretudo das crianças e adolescentes, a desenvolver reflexões acerca da temática, desestimulando o consumo e fortalecendo os fatores de proteção social. Pensando nisso, a deputada Estadual Mirian Sobreira pensou no projeto de lei, que tramita na Assembleia Legislativa, que institui no estado do Ceará a política de prevenção ao uso de álcool, tabaco e outras drogas nas escolas públicas.

Os jovens, geralmente, iniciam o uso de drogas por curiosidade, obtenção de prazer, influência do grupo, pressão social, baixa autoestima e dinâmica familiar. “As ações de prevenção ao uso de álcool, tabaco e outras drogas faz-se necessário, pois buscam estimular a conscientização emocional do jovem no processo de tomada de decisões, desenvolver autonomia, autoestima positiva, pensamento crítico e valores para uma vida saudável, além de relacionamentos saudáveis”, afirma a parlamentar.

Diante deste contexto problemático, torna-se importante trabalhar as ações de prevenção para fortalecer os fatores de proteção como uma dinâmica familiar estruturada, condições dignas de saúde, educação e trabalho, bem como reduzir os fatores de risco como conflitos familiares, perda de laços comunitários e problemas escolares. “Acredito que as ações educativas podem e devem ser baseadas na promoção da saúde, por meio do desenvolvimento de habilidades para a vida voltadas para a valorização dos saberes e construção da identidade e responsabilidade social do jovem, principalmente no ambiente escolar”, declara Mirian.

Deputada Mirian Sobreira

Nenhum comentário: