TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

terça-feira, 2 de maio de 2017

Deputado Rodrigo Maia descarta cassação por crime anterior

Um dos 39 deputados alvo de inquérito na Lava-Jato, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou que os parlamentares só devem responder a processos no Conselho de Ética na Casa se os crimes apontados tiverem sido cometidos no atual mandato.

Nos inquéritos autorizados pelo ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), com base nas delações da Odebrecht, a maior parte dos crimes descritos são anteriores a 2015, início da atual legislatura da Câmara.

Dívida

O empresário Eike Batista pagou uma dívida de R$ 5 milhões da campanha de 2012 de Fernando Haddad (PT) à Prefeitura de São Paulo, disse a empresária Mônica Moura em depoimento ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Segundo Mônica, coube ao então tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, resolver o impasse.

DN Online

Nenhum comentário: