TV MEU XODÓ - A TELEVISÃO DE ACOPIARA

terça-feira, 23 de maio de 2017

Arboviroses estão em 178 municípios do Ceará

A expansão das arboviroses está cada dia maior no Ceará. O boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde do Estado do Ceará (Sesa), da 20ª semana do ano, aponta que a distribuição dos casos de dengue, zika e chikungunya ocorre em todas as faixas etárias, porém, com maior número entre adultos jovens e pacientes do sexo feminino. A incidência de casos notificados para as doenças é de 943,5 por 100 mil habitantes, distribuídos em 178 municípios cearenses dos 184.

O dado é o equivalente a 96,7% do território do Estado. O documento da Secretaria da Saúde trata a situação das cidades como "cenário epidêmico".

Analisando os dados epidemiológicos das três doenças nas últimas cinco semanas, observa-se que 30,4% (57/178) dos municípios das cinco Macrorregiões do Estado apresentam incidências maiores que 300 casos por 100 mil habitantes. Quanto à taxa de confirmações, destacam-se os municípios que pertencem à Macrorregião de Fortaleza, predominando a transmissão de febre chikungunya e dengue.

Conforme levantamento da Sesa, os municípios em situação mais crítica são General Sampaio (5.536,9/100.000/hab), Catarina (4.987,9), Baturité (4.096,3), Reriutaba (3.912,3), Milagres (3.725, 4), Farias Brito (3.448,8), Jaguaribara (3.062,5), Acarape (3.015,0), Tejuçuoca (2.624,4), São Gonçalo do Amarante (2.623,9) e Uruoca (2.352,9).

DN Online

Nenhum comentário: