sábado, 1 de abril de 2017

Aécio pede a STF acesso à delação da Odebrecht e apuração de vazamentos

BRASÍLIA, DF, BRASIL, 09.11.2016. O senador Aécio Neves participa da cerimônia de lançamento do Cartão Reforma, no Palácio do Planalto.(FOTO Alan Marques/ Folhapress) PODER
O senador Aécio Neves (PSDB-MG) afirmou que vai protocolar ainda neste sábado (1º) duas petições no STF (Supremo Tribunal Federal) para pedir acesso à delação de Benedicto Junior, ex-presidente da Odebrecht Infraestrutura, e solicitar que o ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato na corte, apure o vazamento do conteúdo de colaborações de empresários com a força-tarefa.

Em coletiva de imprensa realizada em Brasília, Aécio se disse "vítima de ataques e incompreensões" e afirmou que é "falsa, criminosa e irresponsável" a informação de que recebeu propina da Odebrecht em uma conta bancária em Nova York operada por sua irmã Andrea Neves, como publicou nesta sexta-feira (31) a revista "Veja".

Uol
Postar um comentário