Ao vivo, II Grande Vaquejada do Parque Manuel Camilo em Acopiara (CE)

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Vacinação contra a febre aftosa no Ceará vai até o dia 30 deste mês

boi
Prossegue, até 30 deste mês, a campanha de vacinação contra a febre aftosa, iniciada no último dia 1º de novembro. Realizada pela Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Ceará (Adagri), com o apoio da Secretaria da Agricultura, Pesca e Aquicultura, Ematerce, Secretarias municipais de Agricultura e sindicatos rurais, a ação espera vacinar acima de 95% de bovinos e 85% de propriedades, de um total de 2,5 milhões de animais.

Quem não vacinar, terá a sua propriedade interditada e o proprietário vai ter que pagar uma multa de aproximadamente R$ 20 por cabeça de animal não vacinado.

Com a declaração da vacinação, através da nota fiscal apresentada nos escritórios da Adagri, Ematerce ou nas secretarias municipais, o produtor rural se resguarda de prejuízos. Atualmente, o Ceará é certificado sem aftosa com vacinação.

Prevenção

Os criadores precisam ficar atentos aos aspectos práticos da imunização. O pecuarista deve, por exemplo, pegar a nota fiscal da vacina com o fornecedor do produto e apresentá-la ao serviço veterinário oficial do município junto com a relação dos animais imunizados para declarar a vacinação. Além disso, deve ter cuidado com o transporte e armazenamento da vacina, procurando mantê-la sempre na temperatura de 2º a 8ºC para não perder a eficácia.

Outros cuidados são com a aplicação da dose correta do produto (5 ml) na lateral do pescoço do animal, usando seringas e agulhas limpas e não danificadas ou tortas. O produtor deve ficar atento aos prazos da vacinação e sua declaração no serviço veterinário oficial, já que o descumprimento impedirá a emissão de Guia de Trânsito Animal e pode gerar multas.

Blog do Eliomar

Nenhum comentário: