quinta-feira, 24 de novembro de 2016

TSE revoga prisão de Garotinho e impõe fiança de R$ 88 mil

16.nov.2016 - Garotinho foi preso pela Polícia Federal na última semana
O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) decidiu, nesta quinta-feira (24), revogar a prisão preventiva do ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho. 

A decisão do plenário da Corte, no entanto, impõe medidas cautelares que, se descumpridas, podem levar Garotinho de volta ao regime prisional. Uma delas é o pagamento de uma fiança de R$ 88 mil, o equivalente a cem salários mínimos. 

O habeas corpus havia sido pedido pela defesa de Garotinho. O único voto contra foi o do ministro Herman Benjamin.
Postar um comentário