domingo, 16 de outubro de 2016

Tribunais: confira as seleções abertas e as que serão lançadas

Quem estuda para concurso sabe que as seleções promovidas pelo setor Judiciário (tribunais e afins) costumam oferecer altos salários a seus servidores - mesmo em carreiras de nível médio.

Nesta edição, apresentamos os concursos em tribunais do Nordeste que já estão com inscrições abertas - caso do TRE/PE e TRT/SE - e aqueles que ainda estão em fase de elaboração, para que os concurseiros já possam estar preparados quando os editais forem lançados.

TRE/PE

O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco visa preencher quatro vagas imediatas e formar cadastro reserva (CR).

O cargo de técnico judiciário - área administrativa (1 vaga) exige ensino médio. O salário inicial é de R$ 6.071,97.

Profissionais que possuem formação superior estão aptos ao cargo de analista judiciário - nas áreas administrativa (1), administrativa em contabilidade (CR), judiciária (2), e apoio nas especialidades de análise de sistemas (CR) e medicina do trabalho (CR), que oferece remuneração de R$ 9.962,39.

As inscrições estão disponíveis no site www.Cespe.Unb.Br/concursos/tre_pe_16 até o dia 20 de outubro. As taxas custam R$ 60 (nível médio) e R$ 75 (superior).

TRT/SE

O Tribunal Regional do Trabalho da 20ª Região, em Sergipe, oferece seis vagas imediatas, além de formar cadastro reserva (CR).

Para quem concluiu o ensino médio, as ofertas são para os cargos de técnico judiciário áreas administrativa (2 vagas + CR) e apoio, nas especialidades de enfermagem (CR) e tecnologia da informação (2 + CR). O salário inicial é de R$ 5.934,16.

Já o cargo de analista judiciário exige nível superior e está distribuído entre as área administrativa (1 + CR), judiciária (CR), oficial de justiça avaliador federal (1 + CR), administrativa/contabilidade (CR) e apoio, nas especialidades de estatística (CR), comunicação social (CR), enfermagem (CR), engenharia civil (CR), fisioterapia (CR), medicina do trabalho (CR) e odontologia (CR). A remuneração é de R$ 9.736,27. Para o posto de analista na área de oficial de justiça há uma gratificação de R$ 1.670,43.

As inscrições podem ser feitas até as 14h do dia 26 de outubro pelo site www.Concursosfcc.Com.Br. As taxas cobradas são de R$ 90 (médio) e R$ 110 (superior).

O que vem por aí

Começando pelo aguardado concurso do TRT/CE. Está em avaliação na Câmara dos Deputados o projeto de lei (PL) 8.332/2015, que cria 51 vagas no quadro de pessoal do Tribunal Regional do Trabalho da 7ª Região (TRT 7), com jurisdição no Estado do Ceará. Assim que aprovadas, as oportunidades do PL deverão ser preenchidas por meio de concurso público. Tais chances se destinam às carreiras de juiz do trabalho substituto (5 vagas), analista judiciário (31) e técnico judiciário (15). Os dois primeiros cargos exigem nível superior e oferecem salários de R$ 10.620,27 e R$ 28.384,17, respectivamente. Já para o posto de técnico é necessário apenas nível médio e o salário é de R$ 6.996,19.

Também está em análise na Câmara dos Deputados a proposta que cria 93 vagas no quadro de pessoal do TRT da 16ª Região, no Maranhão. O projeto de lei (PL) é o de número 8.334/2015. O documento tem o intuito de selecionar servidores para os cargos de analista judiciário nas especialidades judiciária (88 oportunidades) e de oficial de justiça avaliador federal (5). Os dois cargos exigem diploma de nível superior na área de Direito e oferecem salários de R$ 8.803,97 (analista) e R$ 10.425,78 (oficial).

O terceiro concurso que aguarda o parecer da Câmara dos Deputados é o do Tribunal Regional do Trabalho da 22ª região, com sede em Teresina, no Piauí. A proposta cria 74 vagas, sendo 70 para preenchimento via concurso e quatro para nomeação por comissão do TRT. As 70 vagas efetivas serão para o cargo de analista judiciário, que exige nível superior. Serão 55 são para a área judiciária, 10 para a especialidade oficial de justiça avaliador federal e cinco para a área administrativa.

Por último, está em trâmite na Câmara dos Deputados o projeto de lei (PL) 4.398/2016 que cria 67 vagas efetivas no Tribunal Regional do Trabalho da 19ª Região, em Alagoas. Pela proposta é criada uma Vara do Trabalho na cidade de Arapiraca, além de uma oportunidade para juiz do trabalho substituto e uma para juiz do trabalho. Dos postos efetivos, dez são para técnico judiciário na área administrativa e o restante para analista judiciário nas seguintes especialidades: judiciária (23 vagas); oficial de Justiça avaliador federal (17); apoio especializado/odontologia (1); apoio especializado/enfermagem do trabalho (2); apoio especializado/jornalismo (1); e administrativa (13). Os salários oferecidos são de R$ 6.309,79 (técnico) e a R$ 9.747,84(analista).
Postar um comentário